IFSULDEMINAS - Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Sul de Minas Gerais

Edital Teste 1 - Edital Teste 1

Este é um edital para testes do módulo SiP/SIGProj



 

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS


EDITAL Nº XXX/2011


PIBIC-EM / CNPq – BOLSAS INSTITUCIONAIS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA JÚNIOR


O INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS, POR MEIO DA PRÓ-REITORIA DE PESQUISA, PÓS-GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO E DO COMITÊ GESTOR DE BOLSAS INSTITUCIONAIS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA DO IFSULDEMINAS torna público o presente EDITAL para abertura de inscrições, visando à seleção de candidatos às bolsas, do Programa de Bolsas Institucionais de Iniciação Científica Júnior do CNPq – PIBIC-EM.


1. OBJETIVO

Fortalecer o processo de disseminação das informações e conhecimentos científicos e tecnológicos básicos, bem como desenvolver as atitudes, habilidades e valores necessários à educação científica e tecnológica dos estudantes do ensino médio.


2. FINALIDADE

Despertar vocação científica e incentivar talentos potenciais entre estudantes do ensino fundamental, médio e profissional da Rede Pública, mediante sua participação em atividades de pesquisa científica ou tecnológica, orientadas por pesquisador qualificado, em instituições de ensino superior ou institutos/centros de pesquisas.


3. DAS BOLSAS

  1. As bolsas recebidas do CNPq serão distribuídas equiparadamente aos campi desde que os mesmos possuam cursos técnicos com ensino médio integrado, concomitante ou subsequente em andamento e de que, ao final do processo seletivo, possua ao menos um projeto aprovado, de acordo com as normas deste Edital. Caso não seja possível uma divisão igualitária, a mesma será tomada em conjunto pela PPPI e o Comitê Institucional.

  2. Será concedida apenas uma bolsa por projeto, no valor de R$ 100,00 (cem reais) mensais, destinada para o aluno regularmente matriculado no ensino médio integrado, concomitante ou subsequente do IFSULDEMINAS.

  3. Caso o número de bolsas disponíveis for maior que o número de projetos aprovados, será distribuída uma segunda bolsa do PIBIC-EM, por projeto, de acordo com a classificação dos mesmos, desde que haja a necessidade ou interesse manifestado pelo coordenador, especificado no próprio Projeto de Pesquisa.

  4. O resultado do processo de seleção será divulgado, no sítio do Instituto Federal (www.ifsuldeminas.edu.br).

  5. As bolsas serão pagas mensalmente para os bolsistas, diretamente pelo CNPq, em conta corrente do Banco do Brasil, no valor atual de R$ 100,00 (cem reais) mensais.


4. REQUISITOS E OBRIGAÇÕES DOS PARTICIPANTES


I. QUANTO AO PROPONENTE/ORIENTADOR

  1. Ter vínculo formal com instituição de ensino superior e/ou pesquisa;

  2. Possuir no mínimo o título de mestre;

  3. Ter produção profissional divulgada em revistas especializadas, livros, capítulo de livros, anais de encontros científicos, exposições, etc;

  4. Adotar todas as providências que envolvam permissões e autorizações especiais de caráter ético ou legal, necessárias para a execução das atividades;

  5. Ter currículo atualizado na Plataforma Lattes.

  6. Não ter nenhuma pendência com a FAPEMIG, o CNPq, ou outra agência de fomento;

  7. Disponibilizar, pelo menos, 1 (uma) hora por semana à orientação do aluno de Iniciação Científica.

  8. O orientador deverá incluir o nome do bolsista nas publicações e nos trabalhos apresentados em congressos e seminários, cujos resultados tiveram a participação efetiva do bolsista;

  9. É vedado ao orientador repassar a orientação de seu(s) bolsista(s) a outro professor. Em casos de impedimento do orientador, a(s) bolsa(s) retorna(m) ao NIPE do Campus de origem do servidor;

  10. É proibida a apresentação de projetos que já tenha sido beneficiado por outras fontes oficiais de fomento (ex. FAPEMIG), assim como orientados que já possuam bolsas financiadas por agências de fomento.

  11. Fica impedido de participar como orientador desse processo seletivo, docentes em licenças em conformidade ao Capítulo IV e V da Lei 8.112 (11 de dezembro de 1990).


II. QUANTO AO ALUNO

  1. Estar regularmente matriculado no ensino médio ou profissional

  2. Estar desvinculado do mercado de trabalho, inclusive de estágio remunerado;

  3. Não ser beneficiário de outro tipo de bolsa do IFSULDEMINAS ou de qualquer outra Instituição;

  4. Possuir frequência igual ou superior a 80% (oitenta por cento) e aproveitamento escolar igual ou superior a 70% ;

  5. Apresentar histórico escolar comprovando o item d;

  6. Para ser indicado(a) o(a) estudante selecionado(a) deverá preencher o Currículo Lattes disponível em http://lattes.cnpq.br/ > Cadastrar-se.

  7. Executar o plano de atividades com dedicação mínima de oito horas semanais;

  8. Elaborar relatório de suas atividades semestralmente, e ao final de sua participação;

  9. Apresentar os resultados parciais e finais da atividade, sob a forma de painel ou exposição oral, nos encontros de iniciação científica e tecnológica promovidos pela instituição;

  10. Nas publicações e trabalhos apresentados, fazer referência a sua condição de bolsista do CNPq;

  11. Devolver ao CNPq, em valores atualizados, a(s) mensalidade(s) recebida(s) indevidamente, caso os requisitos e compromissos estabelecidos acima não sejam cumpridos.


5. REQUISITOS DO PROJETO DE PESQUISA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (ANEXO V):


  1. Apresentar viabilidade técnica e orçamentária - (interno ou externo) classificado conforme Anexo II;

  2. Deve, necessariamente, ter características de Iniciação em Desenvolvimento Tecnológico e Inovação e não deve ter caráter de estágio, simples coleta de dados ou projeto de extensão;

  3. Conter plano de trabalho detalhado do bolsista (para a modalidade pleiteada), contendo no máximo 10 páginas;

  4. Ter mérito de acordo com os critérios estabelecidos pelo Edital.

  5. Constar a grande área, área e subárea do conhecimento de acordo com a tabela do CNPq disponível em http://www.cnpq.br/areasconhecimento/


6. INSCRIÇÃO E DOCUMENTAÇÃO


I. QUANTO À INSCRIÇÃO:

Data: de 21 de novembro a 02 de dezembro de 2011.

Local de Inscrição: NIPE dos campi e via e-mail (pppi@ifsuldeminas.edu.br).

Horário: das 07h às 10h30 e das 13h às 16:30h.

Número de Projetos por Orientador: Só poderá ser inscrito 1 (um) projeto por docente, pleiteando a uma bolsa.

Caso o número de bolsas disponíveis seja maior que o número de projetos aprovados, será distribuída uma segunda bolsa do PIBIC-EM, por projeto, de acordo com a classificação dos mesmos, desde que haja a necessidade ou interesse manifestado pelo coordenador, especificado no próprio Projeto de Pesquisa com plano de trabalho diferente ao do bolsista já contemplado.

Resultado da Seleção: até 21 de dezembro de 2011.

Pedidos de Reconsideração: até 04 de janeiro de 2011.

Resultado de Pedidos de Reconsideração: 31 de janeiro de 2012.

Vigência das Bolsas: 02/2012 a 01/2013.


II. DOCUMENTOS EXIGIDOS PARA INSCRIÇÃO:

Forma de Entrega: O envio do projeto na versão digital se dará nos formatos odt ou doc. Todos os documentos listados abaixo deverão ser entregues ao NIPE, em via impressa, devidamente grampeada (não encaderná-las):

a) Projeto de Pesquisa LIMITADO a, no máximo, 20 páginas (Sugestão - ANEXO II) e ;

b) Cópia de histórico escolar do aluno atualizado emitido pelo IFSULDEMINAS;

c) Cópia de documentos do aluno (RG e CPF);

d) Declaração do orientador em disponibilizar 1 hora semanal ao projeto;

e) Declaração do coordenador do curso e/ou secretaria escolar de que o aluno não concluirá, dentro dos prazos normais, seu curso até o término da vigência da bolsa.


7. DOS DOCUMENTOS DO ALUNO BOLSISTA:

Após a classificação final dos Projetos, os alunos indicados pelos coordenadores dos Projetos aprovados deverão, imediatamente, enviar ao NIPE do seu campus, os seguintes documentos comprobatórios, até o dia 04 de janeiro de 2011.

  1. Histórico escolar do estudante;

  2. Cópia dos documentos RG e CPF;

  3. Cópia de um comprovante de endereço do estudante;

  4. Declaração expedida pelo coordenador de que o estudante atende aos requisitos e compromissos estabelecidos pelo Projeto de Pesquisa;

  5. Declaração de não possuir qualquer vínculo empregatício ou acúmulo de bolsa durante a vigência da bolsa PIBIC;

  6. Cópia de comprovante de abertura ou titularidade de conta corrente bancária, em Agência do Banco do Brasil S.A.

  7. Autorização dos pais ou responsável autorizando o recebimento da bolsa e de ciência das responsabilidades assumidas pelo bolsista.

  8. O descumprimento no envio dos itens anteriores acarretará na perda da bolsa e será selecionado o próximo projeto da lista de classificação.


8. DO PROCESSO DE SELEÇÃO:

  1. O NIPE de cada campus do IFSULDEMINAS fará triagem inicial para verificar o atendimento integral dos projetos aos termos do Edital;

  2. O Comitê Institucional PIBIC/CNPq fará a classificação dos projetos de pesquisa PIBIC-EM, sendo cada projeto avaliado duplamente, conforme os critérios estabelecidos neste Edital (ANEXO I) e a maior pontuação alcançada no projeto será tomada como referencial (peso 6) para a estipulação das outras notas;

  3. Caso não haja projetos que atendam ao edital, caberá a PPPI abrir novo Edital.

  4. A Comissão irá divulgar a classificação final dos projetos avaliados;

  5. A Comissão fará a classificação do docente conforme análise do currículo Lattes (últimos 5 anos), de acordo com a seguinte pontuação:

* Os currículos atualizados após a verificação e ranqueamento não poderão ser reavaliados para efeito de reconsideração do presente edital.

  1. A maior pontuação alcançada no currículo será tomada como referencial (peso 4) para a estipulação das outras notas.

  2. Os componentes do Comitê Institucional de Bolsas poderão pleitear bolsas, sendo porém prioritárias as solicitações de não membros.

9. QUANTO À SUBSTITUIÇÃO DE BOLSISTAS:

  1. O orientador poderá proceder a substituição do bolsista nos casos em que este deixar de cumprir as obrigações dispostas em 4.II deste edital. Para isso, o orientador deve encaminhar à Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação um memorando contendo:

1. Justificativa do pedido de substituição;

2. Entregar o relatório das atividades parciais realizadas pelo aluno a ser substituído, conforme modelo descrito no item VIII deste Edital.

Neste caso deverá ser respeitado o prazo legal para tal substituição, o bolsista que substituir não poderá receber a bolsa por período inferior a 4 meses.

  1. A substituição deverá ser indicada até o dia 7 de cada mês.

  2. Fica vedada a substituição de bolsistas antes da implementação da bolsa, exceto se o mesmo deixar de cumprir os requisitos do item II. QUANTO AO ALUNO.


10. QUANTO AOS RELATÓRIOS:

O bolsista é obrigado a apresentar DOIS RELATÓRIOS de pesquisa de Iniciação Científica: O primeiro após os 06 (seis) primeiros meses da bolsa, SOMENTE EM FORMATO DIGITAL, e o segundo até um mês do término da mesma, em FORMATO DIGITAL E IMPRESSO, sob pena de ter a sua bolsa substituída, conforme o item “QUANTO A SUBSTITUIÇÃO DO BOLSISTA”, e de ter que devolver ao CNPq, em valores atualizados, a(s) mensalidade(s) recebida(s) indevidamente, caso os requisitos e compromissos estabelecidos neste edital não sejam cumpridos.

O Relatório Parcial deverá OBRIGATORIAMENTE ser entregue, em versão eletrônica, no formato.doc (word) ou .pdf (Acrobat). A capa ou etiqueta do CD deverá conter as seguintes informações:

· Relatório Parcial – PIBIC-EM / CNPq – 2012;

· Título do Projeto;

· Nome completo e número de matrícula do aluno;

· Nome completo do Orientador.


O Relatório Final deverá OBRIGATORIAMENTE ser entregue, em uma VERSÃO ELETRÔNICA em CD (.doc ou .pdf) com etiqueta ou capa devidamente identificados e uma VERSÃO IMPRESSA (formulário próprio), que servirá de base para a avaliação final do Projeto e atribuição de créditos/nota ao bolsista.


11. QUANTO AO CONTROLE DE FREQUÊNCIA DO BOLSISTA

O controle de frequência e do desempenho do bolsista é de TOTAL RESPONSABILIDADE DO ORIENTADOR. Qualquer problema em relação à frequência ou ao seu desempenho deve ser imediatamente comunicado à Comissão Intercampi de bolsas Institucionais de Iniciação Científica do IFSULDEMINAS e à PPPI (Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação), para que sejam tomadas as providências necessárias, como a suspensão do pagamento referente ao mês, exclusão do bolsista ou eventual substituição.


12. QUANTO À JORNADA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

É OBRIGATÓRIA a participação do bolsista na Jornada de Iniciação Científica do IFSULDEMINAS, onde um Comitê Interno e Externo será responsável pela avaliação do Programa de Iniciação Científica no IFSULDEMINAS. Os bolsistas apresentarão seus trabalhos oralmente ou na forma de painéis, conforme determinação do NIPE do IFSULDEMINAS. A PRESENÇA DO ORIENTADOR, acompanhando o seu orientado durante a apresentação, também é OBRIGATÓRIA e é um dos pontos relevantes a serem considerados pelo Comitê na avaliação do programa.

O orientador cujo bolsista não participe da Jornada de Iniciação Científica ficará em débito com a Instituição e a Agência Fomentadora e terá a sua participação comprometida nos próximos editais para seleção de projetos que receberão bolsas de Iniciação Científica.


13. DISPOSIÇÕES FINAIS

O bolsista não terá seu tempo de estudos computado para fins de aposentadoria a menos que, durante o período de estudos, efetue contribuição para a Seguridade Social, como “contribuinte facultativo”, na forma dos art. 14 e 21, da Lei no. 8.212, de 24/07/91.


A submissão de projetos implicará a tácita aceitação das condições estabelecidas neste Edital, das quais o coordenador do projeto não poderá alegar desconhecimento.

As informações fornecidas nos formulários de inscrição e o seu correto preenchimento são de responsabilidade do coordenador do projeto.

Os casos omissos serão resolvidos pela Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação do IFSULDEMINAS com a participação do Comitê Gestor Institucional.



Pouso Alegre, 18 de março de 2011.



Comitê Institucional de Iniciação Científica



Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação



























Edital baseado no Anexo V com nova redação dada pela RN 027/2008, Publicada no D.O.U de 08/10/2008, Seção: 1 Página: 08.

ANEXO I – CRITÉRIOS ANÁLISE DO PROJETO PIBIC-EM-CNPq

 

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAI

A – Eliminatório

Não atender ao EDITAL.


B – Classificatórios

1 – Justificativa (0 a 3)

1.1 - Adequações a missão do Instituto

1.2 - Tipos de pesquisa

1.2.1 - Aplicada

1.2.2 - Envolvimento com a comunidade

1.2.3 – Resolução de problemas locais e regionais

1.3 - Caracterizações do problema


2 – Objetivos (0 a 3)

2.1 - Clareza dos objetivos

2.1.1 - Estão bem definidos e compatíveis com o prazo proposto?

2.1.2 - Hipóteses estão claras?


3 – Referencial teórico (0 a 3)

3.1 - Está bem estruturado e descreve o estado da arte no assunto proposto?

3.2 - Linhas teórico-metodológicas pesquisadas são coerentes?

3.3 - Referencial atualizado e nas normas da ABNT?

3.4 - Fonte das informações confiáveis?


4 – Metodologia (0 a 5)

4.1- Está adequada aos objetivos propostos, aos resultados esperados e às atividades programadas?

4.2 - É compatível com o plano de trabalho?

4.3 - O projeto é exequível?


5 – Cronograma (0 a 2)

5.1 - Há ajustamento do tempo e prazo de execução do projeto?

5.2 - Demonstra estabelecimento das etapas e dos passos necessários à realização dos objetivos pretendidos?


6 - Viabilidade econômica (0 a 4)

6.1 - com recursos financeiros já alocados (via órgão fomentador) 4 pontos

6.2 - sem necessidade de recursos financeiros 2 pontos

6.3 - com recursos materiais disponíveis no IFSULDEMINAS 1 pontos


Peso dos critérios

Projeto nota: (peso 6):

Docente (currículo): nota: (peso 4):


ANEXO II – MODELO DE PROJETO DE PESQUISA

 

 

Modelo de projeto de Pesquisa:


MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO

SECRETARIA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E TECNOLÓGICA

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO SUL DE MINAS GERAIS













PROJETO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA

Plano de trabalho











(Título do Projeto)





Grande área:

Área:

Subárea:

(disponível em http://www.cnpq.br/areasconhecimento/)







<Data>

<Local>


INFORMAÇÕES GERAIS

Nome do projeto:


Coordenador:

Telefone: E-mail:

Endereço no Lattes:


Aluno de Iniciação Científica:

Telefone: E-mail:

Endereço no Lattes:


Membros:

Nome

Titulação

máxima

Instituição

pertencente

Função























Local de Execução:


Campus:


Financiamento:

Bolsas (número e valor): Agente financiador:

Custeio (valor): Agente financiador:

Capital (valor): Agente financiador:

 

Período de Execução:

Início:

Término:


CORPO DO PROJETO


1. RESUMO (máximo 200 palavras)

2. CARACTERIZAÇÃO E JUSTIFICATIVA

- Estado da arte

- Explicitação detalhada dos fundamentos teóricos que orientaram a elaboração da proposta.

- Diagnóstico institucional.

- Que circunstâncias favorecem a execução das ações/atividades propostas?

- Outros aspectos que julgue pertinente mencionar.

3. OBJETIVOS E METAS

- Os objetivos devem ser expostos de maneira clara e sucinta e expressar o(s) resultado(s) que se pretende atingir.

- A proposta pode ter mais de um objetivo, mencione todos, separando-os em objetivo geral e objetivos específicos.

3.1. Objetivo Geral

3.2. Objetivos Específicos

3.3. Metas

3.4. Público Alvo

4. METODOLOGIA

- Explicitação dos procedimentos metodológicos.

- Caráter multi e interdisciplinar das atividades constantes da proposta.

- Pertinência, qualidade e diversificação das ações constantes na proposta.

- Relação bilateral com a sociedade, pela interação do conhecimento e experiências acumuladas na academia com o saber popular e articulação com organizações da sociedade, com vistas ao desenvolvimento de sistemas de parcerias interinstitucionais.

5. RESULTADOS ESPERADOS


- Descrição dos resultados esperados pelo projeto.

- Geração de produtos ou processos como publicações, monografias, dissertações, teses, abertura de novas linhas de extensão, ensino e pesquisa.

- Impacto Social, pela ação transformadora sobre os problemas sociais, contribuição à inclusão de grupos sociais, ao desenvolvimento de meios e processo de produção, inovação e transferência de conhecimento e à ampliação de oportunidades educacionais, facilitando o acesso ao processo de formação e de qualificação.

- Contribuição na formulação e implementação e acompanhamento das políticas públicas prioritárias ao desenvolvimento regional e nacional.

6. ACOMPANHAMENTO E AVALIAÇÃO


- Para cada item da meta, descrever os indicadores e a forma de aferição dos mesmos.





7. ATIVIDADES E CRONOGRAMA

ATIVIDADES

meses


Jan

Fev

Mar

Abr

Mai

Jun

Atividade 01

X






Atividade 02

X






Atividade 03


X

X




Etc.








8. ORÇAMENTO E CRONOGRAMA FÍSICO-FINANCEIRO

Explicite quais recursos materiais e financeiros estão disponíveis ou necessários para a realização do trabalho.

Citar a fonte financiadora caso não seja utilizado recursos do IFSULDEMINAS.

Item

Descrição detalhada

Quantidade

Valor de referência (R$)

Valor total (R$)

1





2





3





Valor total requisitado no projeto (R$)



9. INFRAESTRUTURA

- Detalhamento da infraestrutura existente para a execução da proposta.

- Envolvimento institucional com o desenvolvimento do projeto.


10. ESTADO DA TÉCNICA



Local e data.


__________________________________

Coordenador do projeto

___________________________________

Coordenador do NIPE - Campus

___________________________________

Pró-Reitor de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação


ANEXO III – Edital XX/2011


PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA NO ENSINO MÉDIO

PIBIC-EM – IFSULDEMINAS Campus ___________

PLANO DE TRABALHO PARA O ALUNO BOLSISTA

TÍTULO DO PROJETO DE PESQUISA AO QUAL O PLANO DE TRABALHO ESTARÁ VINCULADO

     

Palavras chaves

     

Área de conhecimento (CNPq) (nome)

(http://www.cnpq.br/areasconhecimento/)

     



DADOS DO COORDENADOR DO PROJETO

Coordenador do projeto

     

SIAPE

     

CPF

     

E-mail

     

Telefone (fixo e celular)

     




DADOS DO BOLSISTA

Nome

     

CPF

     

E-mail

     

Telefone (fixo e celular)

     





PLANO DE TRABALHO – SÍNTESE DAS ATIVIDADES A SEREM DESENVOLVIDAS PELO BOLSITA

Descrição das atividades

Mês

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

     

Duração das atividades do bolsista

Início

Fevereiro/2011

Término

Janeiro/2013


Os abaixo-assinados declaram que o presente Plano de Trabalho foi estabelecido de comum acordo, assumindo as tarefas e responsabilidades que lhes caberão durante o período de realização do mesmo.


   ,       de       de 20     .


Assinaturas: _______________________ _______________________

Coordenador do Projeto Bolsista