«« Voltar
EDIS Interseccionalidades
Protocolo do SIGProj:   313318.1741.105432.17092018
De:08/10/2018  à  08/04/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Milena Carlos de Lacerda
Instituição
  UFT - Universidade Federal do Tocantins
Unidade Geral
  CUM - Campus de Miracema
Unidade de Origem
  SERV - SERVIÇO SOCIAL
Resumo da Ação de Extensão
  O subprojeto 'EDIS Interseccional - Encontro de Diálogos Interdisciplinares sobre Interseccionalidade se articula ao Projeto de Extensão 'GRELO - ciclo de debates e grupos de estudos feministas e queer' vinculado ao Programa de Extensão 'Assessoria em Gênero e Diversidade'. Essas iniciativas são ações continuadas realizadas pelo Núcleo de Estudos, Pesquisas e Extensão em Sexualidade, Corporalidades e Direitos - UFT, que surge no contexto de ampliação e consolidação dos estudos de gênero e sexualidade na universidade brasileira. No Brasil os campos de estudos de gênero vêm se consolidando na última década, especialmente nas universidades metropolitanas. Desde meados dos anos 2000, quando há uma ampliação de recursos para o debate de gênero e sexualidade, as regiões do centro-norte brasileiro passam também a contar com grupos de estudos, como pode ser observado no contexto da REDOR - rede do norte e nordeste. Nessa linha, a presente proposta se particulariza por centralizar o debate das relações étnico-raciais numa perspectiva interseccional ao gênero e a sexualidade, ao passo que o grupo de estudos objetiva evidenciar o debate das hierarquias sexuais, raciais e de gênero para construção de uma educação que possibilite vivências democráticas e capacidade transformadora. Deste modo, a atual proposta do 'EDIS Interseccional' relaciona-se com as iniciativas do “EDIS-Feminista” e “EDIS Masculinidade” vinculadas ao Núcleo e retoma a relevância de grupos de estudos nos processos formativos da extensão universitária.
Palavras-chave
   Feminismo, Gênero, Interseccionalidades, Sexualidade, Racialidades.
Público-Alvo
  O publico alvo deste projeto são estudantes de graduação dos campus de Palmas, Miracema, Araguaína Tocantinópolis, Arrais, Gurupi e Porto Nacional da Universidade Federal do Tocantins - UFT e ativistas de movimentos sociais em defesa ao movimento LGBT do Tocantins.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   63.3366.8614
«« Voltar