«« Voltar
UEMS e Escola Rui Barbosa: resgatando a importância da horta de plantas medicinais
Protocolo do SIGProj:   310543.1730.237792.30072018
De:01/10/2018  à  01/08/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Aécio Busch
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  Cassilândia - Unidade Universitária de Cassilândia
Unidade de Origem
   Agronomia - Coordenação do Curso de Agronomia
Resumo da Ação de Extensão
  A horta escolar de plantas medicinais é um espaço para a saúde, e de aprendizado sobre as plantas utilizadas na medicina popular. A implementação de uma horta medicinal permite a difusão do conhecimento da medicina popular para o tratamento de pequenas enfermidades. Assim, a realização deste projeto tem como objetivo estabelecer o cultivo de uma horta de plantas medicinais na Escola Rui Barbosa de Cassilândia, levando o educando a disponibilizar à comunidade orientações sobre cultivo, coleta, dessecação, preparação de medicamentos caseiros, propriedades terapêuticas, toxicidade e métodos de extração. A implantação da horta das plantas medicinais será realizada com o cultivo de 35 espécies, dentre as quais, pode-se citar a Camomila (Matricharia recutita L.), Boldo (Plectranthus barbatus Andrews), Guaco (Mikania glomerata Spreng.), Alecrim (Rosmarinus officinalis L.), Carqueja (Bacharis trimera (Less.) DC), Capim–limão (Cymbopogum citratus (DC) Stapf), Hortelã (Mentha x piperita L.), Arruda (Ruta graveolens L.), Gengibre (Zingiber officinale), Erva Cidreira (Melissa officinalis), Arruda (Ruta graveolens). As plantas medicinais serão instaladas em pneus e em recipientes plásticos e identificadas com o nome da planta e sua utilização. Será realizada uma palestra para os educandos e demais agentes de educação abordando diversos assuntos sobre a importância das plantas medicinais, seus usos e precauções. Os educando também serão incentivados a elaborarem um catálogo contendo as principais informações relacionadas ao uso de plantas medicinais e aromáticas. As plantas medicinais poderão ser utilizadas pelos educandos e demais agentes da escola ou doadas à comunidade cassilandense proporcionando saúde e qualidade de vida a sociedade em geral.
Palavras-chave
   Horta medicinal, Horta escolar, Medicina popular, Fitoterápicos
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar