«« Voltar
LETRAMENTO CRÍTICO E PROMOÇÃO DA SAÚDE: SEXUALIDADE E PREVENÇÃO DE ISTS EM IDOSOS POR INTERMÉDIO DA LINGUAGEM
Protocolo do SIGProj:   310421.1730.273708.31072018
De:01/10/2018  à  01/08/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Leany Fonseca Razuk
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  PROEC - Pró- Reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários
Unidade de Origem
  DEX - Divisão de Extensão
Resumo da Ação de Extensão
  Hoje, o Brasil é um país que acomoda um dos maiores crescimentos em número de idosos no mundo. Passando de 800 milhões para 2 bilhões de pessoas, o mundo precisa se preparar para receber essa população que necessita em grande escala de cuidados gerais, mas principalmente na área da saúde. E, nesse âmbito, está incluída a saúde sexual do idoso, pois essa população ainda se encontra sexualmente ativa após os 60 anos de idade, e há por parte de muitos o desconhecimento sobre ISTs (Infecções Sexualmente Transmissíveis), sendo este um problema de saúde pública (ANDRADE et al., 2017). Nesse sentido, o projeto visa levar a essa comunidade a discussão e a compreensão de questões relacionadas à sexualidade na terceira idade, bem como as doenças que acometem essa população. Será utilizada uma abordagem multimodal, que incluirá imagens, fala, música e escrita, sendo assim alcançado o letramento crítico em saúde. A proposta do letramento crítico é de desenvolver percepção e entendimento (Rocha e Maciel, 2016) a fim de obter a informação, analisá-la criticamente, e assim obter controle dos determinantes sociais, econômicos e ambientais da saúde (CHINN, 2011). Desta forma, a intervenção na população idosa a respeito das ISTs e sexualidade nesta faixa etária busca promover a saúde através de uma proposta interdisciplinar entre saúde e linguagem, utilizando a atribuição de sentidos e a multimodalidade como ferramentas. Além disso, busca aproximar a comunidade acadêmica da atenção básica, utilizando os conhecimentos da Academia no auxílio aos seus usuários na prevenção e promoção da saúde.
Palavras-chave
   Educação em saúde, linguística aplicada, idosos, sexualidade, IST
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar