«« Voltar
Difusão de novas espécies forrageiras como artifício à intensificação da produção animal (ODS 2)
Protocolo do SIGProj:   310249.1731.57155.10082018
De:01/01/2019  à  31/12/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Mábio Silvan José da Silva
Instituição
  UFGD - Universidade Federal da Grande Dourados
Unidade Geral
  FCA - Faculdade de Ciências Agrárias
Unidade de Origem
  Zoo. - Zootecnia
Resumo da Ação de Extensão
  As pastagens constituem a base da alimentação de ruminantes no Brasil, Porém, mais de 60% destas pastagens se encontram em algum grau de degradação, tendo como principais causas a escolha errada da espécie forrageira, associado a métodos errôneos de manejo. Apesar da vasta disponibilidade de recursos genéticos de forragens destinadas a formação de pastagens, predomina gramíneas do gênero Brachiaria, sendo a Brachiaria brizantha cv. Marandú, lançada em 1984, a mais utilizada até hoje, refletindo a falta de difusão de conhecimento técnico-científico sobre novas cultivares. Mesmo com os recentes avanços e o grande número de informações geradas sobre plantas forrageiras, o acesso a estes conhecimentos ainda continuam restrito. Neste sentido, o presente projeto objetiva permitir a aproximação dos diferentes elos integrantes do setor de produção agropecuário, de modo a proporcionar capacitação técnico-científica aos acadêmicos das disciplinas de agrostologia, forragicultura e culturas forrageiras sobre os recursos forrageiros existentes e suas possibilidades de utilização focado na melhoria da produção de ruminantes. Dentre estes acadêmicos, serão selecionados 10 alunos para, sob supervisão dos professores, transmitir os conhecimentos adquiridos aos produtores dos assentamentos Itamarati e Santa Olga. Como ferramenta prática de aprendizado os alunos e alguns produtores farão a implantação de um campo agrostológico nas dependências da FCA/UFGD, que servirá de base prática e será aberto a toda comunidade.
Palavras-chave
   Capacitação, cultivares, extensão, manejo de pastagem, produção animal.
Público-Alvo
  Produtores rurais das comunidades Itamarati e Santa Olga, bem como, estudantes universitários e professores. Além disto, o campo agrostológico estará aberto a comunidade em geral.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   O contato para maiores informações poderá ser realizado pelo telefone (67) 3410-2618.
«« Voltar