«« Voltar
Fórum Permanente Saúde das Populações Vulneráveis (Cópia) 25-06-2018
Protocolo do SIGProj:   309010.1599.52056.25062018
De:01/01/2018  à  01/01/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Audrey Vidal Pereira
Instituição
  UFF - Universidade Federal Fluminense
Unidade Geral
  CME - Escola de Enfermagem
Unidade de Origem
  MEP - Departamento de Enfermagem Materno-Infantil e Psiquiátrica
Resumo da Ação de Extensão
  O Fórum Permanente Saúde das Populações Vulneráveis da disciplina Diversidades, Equidade e Cuidados em Saúde, do curso de graduação da Escola de Enfermagem Aurora Afonso Costa, da Universidade Federal Fluminense, com o Núcleo de estudos sobre Saúde e Etnia Negra-NESEN e o Grupo de pesquisa Maternidade: Saúde da Mulher e da Criança, ambos da UFF, visa promover a interação dos vários interesses das populações socialmente vulneráveis e estigmatizadas e com as atuações críticas e transformadoras associadas ao Sistema Único de Saúde, com foco nas políticas de equidade social. Neste sentido, o Fórum Permanente Saúde das Populações Vulneráveis atua como dimensão compartilhada para instituições de ensino, pesquisa, extensão e assistência à saúde, bem como assistência social e direitos humanos (Ministério Público, Legislativo, Judiciário, Imprensa, entre outras instituições), incluindo no processo dirigentes, corpo técnico inter-profissional e demais sujeitos que, direta ou indiretamente, conformam o campo da saúde, do bem-estar e da democracia inclusiva. Como um espaço de debate crítico, mas também de ensino-aprendizagem-avaliação sobre o cuidado de saúde centrado na pessoa/população vulnerável, o Fórum Permanente Saúde das Populações Vulneráveis visa ser igualmente um lugar da fala desta pessoa/população vulnerável.
Palavras-chave
   Populações Vulneráveis, Direitos Humanos, Participação Popular, Promoção da Saúde
Público-Alvo
  POPULAÇÕES SOCIALMENTE VULNERÁVEIS O FPSPV pretende atuar para promover a saúde e desconstruir as discriminações estruturais por meio da pesquisa, da inovação, da política pública, da defensoria, estabelecendo parceria com as comunidades socialmente vulneráveis, igualmente com instituições de ensino, pesquisa, extensão e assistência à saúde, assistência social e direitos humanos (Ministério Público, Legislativo, Judiciário, Imprensa, entre outras instituições), incluindo no processo dirigentes, corpo técnico inter-profissional e demais sujeitos que, direta ou indiretamente, atuam pela consolidação da democracia inclusiva.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   Isabel Cruz isabelcruz@id.uff.br (21)99958-9948
«« Voltar