«« Voltar
MAPEAMENTO DO ATENDIMENTO A CRIANÇAS, ADOLESCENTES E FAMÍLIAS ENVOLVIDAS EM VIOLÊNCIAS
Protocolo do SIGProj:   306392.1708.97038.25052018
De:01/08/2018  à  01/01/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Ricardo Vicente Ferreira
Instituição
  UFTM - Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Unidade Geral
  UGP - Unidade Geral Padrão
Unidade de Origem
  IELACHS - Instituto de Educação, Letras, Artes, Ciências Humanas e Sociais
Resumo da Ação de Extensão
  Atualmente, muitas crianças e adolescentes têm se tornado expostos à violência, em sua maioria como vítimas. Os espaços que concentram a desigualdade urbana tem deteriorado os fatores de proteção, como escolas, praças, parques e as próprias famílias. Assim, a deterioração da rede de proteção por fatores sociais expõe ao risco crianças e adolescentes de alguma das formas de violência. Essa problemática requer estratégias de enfrentamento que permitam uma amplitude no olhar. Assim, se os fatores socioeconômicos têm expressividade geográfica, podendo ser analisados numa perspectiva espacial, a violência, por seu turno, requer uma abordagem multidisciplinar, como da Geografia e da Saúde Coletiva. Assim, os mapas dos lugares nas cidades onde essas violências se manifestam podem contribuir com a formação dos trabalhadores que atuam no acolhimento das vítimas das muitas violências com vistas a estruturar as ações de prevenção. Diante do exposto, o objetivo desta proposta é realizar uma produção cartográfica a partir dos dados e informações obtidas pela pesquisa intitulada “'Atendimento a crianças, adolescentes e famílias envolvidas em violências: o olhar do paradigma da complexidade”, em andamento'. Espera-se retornar para a Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e os Órgão e serviços a ela relacionados um material para consulta que conterá mapas da cidade de Uberaba e textos explicativos que mostram e descrevem a distribuição espacial das formas de violência contra crianças, e adolescentes e suas famílias. Faz uso de métodos e técnicas de mapeamento dos dados e informações com uso de Sistemas de Informação Geográfica.
Palavras-chave
   Violência, mapeamento, espaço geográfico. Saúde Coletiva
Público-Alvo
  A equipe técnica do CREAS, composta por Assistentes Sociais, Psicólogos, Educadores e Coordenação. Docentes e discentes da UFTM.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar