«« Voltar
ALFABETIZAÇÃO CIENTÍFICA COMO UMA POSSIBILIDADE DE INCLUSÃO SOCIAL
Protocolo do SIGProj:   296129.1585.164906.01032018
De:01/05/2018  à  30/11/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Ivo Mai
Instituição
  IFRS - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul
Unidade Geral
  Ibirubá - Câmpus Ibirubá - Extensão
Unidade de Origem
  EXT - Extensão
Resumo da Ação de Extensão
   Cada dia mais nossa sociedade convive com a supervalorização do conhecimento científico e com o desenvolvimento tecnológico, portanto, é impossível pensar na formação de um cidadão crítico à margem do saber científico. No entanto, o ensino de ciências, em muitas escolas, ainda é compreendido e desenvolvido de maneira dissociada da reflexão crítica, da relação de seus conteúdos com o mundo do trabalho e o cotidiano das pessoas, numa proposta de ensino centrada na memorização, cujo aluno acaba por ser um mero ouvinte, incapaz de compreender a linguagem científica e de utilizar os conhecimentos adquiridos para a melhoria de suas condições de vida pessoal e social. Considerando que os conhecimentos científicos, são conquistas de toda a sociedade e não apenas de um grupo seleto de cientistas e que sua compreensão pode contribuir para melhoria da qualidade de vida das pessoas, da preservação da natureza, pensar e propor uma metodologia de ensino por investigação como ferramenta metodológica, no qual o aluno é colocado frente a problemas a serem resolvidos, despertando o caráter investigativo inerente aos procedimentos científicos, e que potencializa a alfabetização científica. Vamos propor atividades experimentais e interativas, que são importantes para despertar a curiosidade, o interesse e como consequência a melhoria na aprendizagem dos conhecimentos científicos e tecnológicos. Assim, ir em busca da gradativa superação da concepção do ensino de Ciências como um ensino propedêutico.
Palavras-chave
   Alfabetização científica, inclusão social
Público-Alvo
  Alunos do Ensino Fundamental, séries iniciais e finais das escolas públicas do município de Ibirubá que frequentam o Centro Social Bairro Floresta. Professores das escolas públicas da região e que atuam no Ensino Fundamental.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   Por e-mail em: ivo.mai@ibiruba.ifrs.edu.br.
«« Voltar