«« Voltar
PROGRAMA DE RESTAURAÇÃO DE NASCENTES E MATAS CILIARES NAS ALDEIAS INDÍGENAS JAGUAPIRÚ E BORORO, MUNICÍPIO DE DOURADOS, MS
Protocolo do SIGProj:   295909.1342.18419.27022018
De:15/03/2018  à  31/03/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Zefa Valdivina Pereira
Instituição
  UFGD - Universidade Federal da Grande Dourados
Unidade Geral
  RTR - Reitoria
Unidade de Origem
  PROEX - Pró-Reitoria de Extensão e Cultura
Resumo da Ação de Extensão
  A Reserva Indígena de Dourados compreendida pelas Aldeias Bororó e Jaguapirú foi criada pelo Serviço de Proteção ao Índio, em 1917. Na reserva vivem confinados uma população de 11.880 pessoas. Esse processo de expropriação territorial e confinamento do contingente populacional em espaços extremamente exíguos impuseram profundas limitações à sua economia, bem como o esgotamento dos recursos naturais. Esse processo de ocupação resultou num conjunto de problemas ambientais, como a extinção de várias espécies da fauna e da flora, a erosão dos solos e o assoreamento dos cursos d'água. Nesse sentido este trabalho tem por objetivo promover a redução do passivo ambiental da Aldeia de Dourados através da Restauração Ecológica das nascentes e matas ciliares das Aldeias indígenas Jaguapeirú e Bororó bem como, proporcionar atividades de Educação Ambiental para alunos das Escolas municipais Indígenas destas aldeias, afim de inseri-los como atores principais nas ações de restauração. O trabalho será dividido em três etapa. Etapa 1 – Elaboração do PRADA (projeto de Recuperação de Área Degrada e Alterada) para as aprovações legais; etapa 2 – atividades de educação ambiental nas escolas, implantação de viveiro de mudas, cursos para produção de mudas e restauração ecológica; etapa 3 – plantio de mudas nas áreas elencadas pelo PRADA. Espera-se com este trabalho promover uma interação entre a academia e os conhecimentos tradicionais das comunidades indígenas, visando não só a Preservação/Recuperação dos Recursos Naturais de suas respectivas reservas, como também, propor projetos alternativos para um Desenvolvimento Local de sustentabilidade duradoura, que minimizem os impactos ambientais produzidos.
Palavras-chave
   Educação Ambiental, Passivo Ambiental, Restauração Ecológica
Público-Alvo
  Alunos indígenas, lideranças e comunidade das Aldeias Jaguapiru e Bororó
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar