«« Voltar
TERRITORIALIDADE E GENERO: O PAPEL DA MULHER NA COMPREENSÃO DAS POLITICAS PÚBLICAS NO ESPAÇO URBANO EM PORTO NACIONAL­TO ­ POSSIBILIDADES E PERSPECTIVAS
Protocolo do SIGProj:   294178.1639.119257.16022018
De:03/01/2018  à  03/01/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Roberto de Souza Santos
Instituição
  UFT - Universidade Federal do Tocantins
Unidade Geral
  CUPN - Campus de Porto Nacional
Unidade de Origem
  GEO-Lic - GEOGRAFIA (Licenciatura)
Resumo da Ação de Extensão
  A participação da mulher na vida pública no Brasil é algo histórico recente tanto no pode legislativo, como executivo e judiciário. O voto feminino veio acontecer agora no século XX. DA representação política, a não participação da mulher no poder constituído e, sobretudo, a divisão social por sexo, são historicamente, conhecido e confirmado pelas ciências sociais. Mas as ciências sociais têm se preocupado um pouco mais com estas questões, a partir do final do século XX. neste trabalho iremos analisar a importância da participação feminina nas políticas publicas, focando o papel político feminino na gestão local. Será feita uma revisão teórica sobre conceitos e noções sobre as relações: mulher e gênero como categorias de análise teórico­metodológica. As ciências sociais do final século XX perceberam que o estudo de gênero acrescentaria não só novos temas, como também iriam “impor” uma reavaliação crítica das premissas e critérios dos trabalhos científicos existentes. Os estudos e análises de gênero ainda continuam como grande desafio no meio científico.Portanto, discutir a questão da mulher, ou abordagens sobre mulheres ou ainda as relações de gênero, constitue ainda hoje umdesafio. Um desafio teórico.
Palavras-chave
   Gênero, políticas, públicas, espaço, urbano.
Público-Alvo
  ALUNOS DO ENSINO MÉDIO E ACADÊMICOS
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar