«« Voltar
Milho Crioulo: Multiplicação e Conservação de Variedades Tradicionais
Protocolo do SIGProj:   292078.1618.265528.25012018
De:23/03/2018  à  23/03/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Josimar Rodrigues Oliveira
Instituição
  UFVJM - Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri
Unidade Geral
  PROAD - Pró-Reitoria de Administração
Unidade de Origem
  D. ADM - Diretoria de Administração
Resumo da Ação de Extensão
  O Projeto Milho Crioulo surgiu no ano de 2015, por iniciativa do Engenheiro Agrônomo da Universidade e do Técnico Agrícola que é responsável pelas atividades da Fazenda Experimental Rio Manso, quando foi realizada a primeira multiplicação de sementes crioulas de milho nas dependências da Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri (UFVJM). O Projeto está se consolidando a cada dia e completará três anos de atuação em 2018. As atividades do Projeto tem sido um sucesso graças ao apoio de parceiros, dos estudantes bolsistas e voluntários que já atuaram no mesmo e que acreditam nessa ideia. As sementes crioulas, de modo geral, são selecionadas pelos agricultores ao longo de muitos anos para adaptar-se as condições climáticas e de fertilidade locais, de modo que uma planta advinda de uma semente crioula tem uma resistência muito mais elevada às adversidades quando comparada a um híbrido de alto potencial produtivo. Mesmo sendo menos produtivas que as cultivares comerciais, são de grande variabilidade genética, resistentes, adaptadas, e o próprio agricultor tem condições de obter a sua semente. Nesse sentido, o objetivo desse projeto é resgatar, multiplicar e conservar diferentes variedades de milho que tenham potencial para utilização pelos agricultores familiares do Alto Jequitinhonha. Capacitar agricultores e difusores de informação sobre as Tecnologias de Cultivo da Cultura do Milho. O público alvo direto do projeto são os agricultores familiares do Alto Jequitinhonha e espera-se manter em funcionamento banco ativo de germoplasma, banco de sementes e apoio técnico aos agricultores certificados como guardiões de sementes.
Palavras-chave
   Agricultura, Sementes, Sustentabilidade, Agroecologia
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar