«« Voltar
Genética da Conservação e Evolução de espécies de Dyckia (Bromeliaceae) do Mato Grosso do Sul, Brasil
Protocolo do SIGProj:   290489.1430.125965.28122017
De:01/02/2016  à  31/12/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Gecele Matos Paggi
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CPAN - Câmpus do Pantanal
Unidade de Origem
  CPQ - Comissão Setorial de Pesquisa
Resumo da Ação de Extensão
  O bioma Cerrado é o segundo maior bioma do Brasil, ocupando mais de 2 milhões de Km2, e um dos 34 “hotspots” de biodiversidade do mundo. Juntamente com a Caatinga e o Chaco forma uma “diagonal seca”, abrangendo uma larga faixa de vegetação seca que atravessa o Brasil em uma direção norte-leste para o sul-oeste, separando a Floresta Amazônica da Mata Atlântica, uma barreira ao fluxo gênico para um grande número de espécies. Poucos estudos sobre filogeografia de plantas avaliaram como as oscilações climáticas influenciaram na atual distribuição das espécies no bioma Cerrado. Até o momento apenas um trabalho com abordagem filogeográfica foi publicado para Bromeliaceae, com Vriesea gigantea, uma espécie de Mata Atlântica. Os trabalhos publicados sobre a diversidade genética de populações de bromélias ainda são escassos, dos 58 gêneros e aproximadamente 3140 espécies conhecidas, apenas 20 espécies de dez gêneros foram estudas. Marcadores codominantes foram os mais utilizados, com sete trabalhos utilizando microssatélites em dez espécies e sete com aloenzimas. Recentemente foi publicada a filogenia de Dyckia, com base em sequencias de DNA nuclear e plastidial, demonstrando que Dyckia é monofilético o qual experimentou uma recente radiação a partir de 2,9 Ma. Porém, o estudo utilizou somente três das onze espécies de Dyckia que ocorrem em MS. O presente projeto contribuirá com informações sobre as relações filogenéticas e filogeográficas, e sobre a conservação genética de espécies de Dyckia que ocorrem no Cerrado, em Mato Grosso do Sul.
Palavras-chave
   Bromeliaceae, Conservação, Dyckia, Evolução, Sistemática
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar