«« Voltar
Geotecnologias aplicadas ao zoneamento ambiental da bacia hidrográfica do rio Pântano, MS: contribuição da modelagem ambiental dinâmica ao ordenamento físico-territorial.
Protocolo do SIGProj:   289883.1430.52398.18122017
De:01/08/2018  à  31/07/2022
 
Coordenador-Extensionista
  Vitor Matheus Bacani
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CPTL - Câmpus de Três Lagoas
Unidade de Origem
  CPQ - Comissão Setorial de Pesquisa
Resumo da Ação de Extensão
  A bacia hidrográfica do Rio Pântano possui uma área de aproximadamente 1.348,6 km² distribuídos em parte dos municípios de Selvíria, Aparecida do Taboado e Inocência, destacando-se como um importante afluente da margem direita do Rio Paraná. Esta bacia sofreu profundas transformações da paisagem, inicialmente com a instalação da usina hidrelétrica de Ilha Solteira no final da década de 1960, e no nos últimos 10 anos, a introdução da Silvicultura em grande escala, além de possuir dois assentamentos rurais: o São Joaquim e o Alecrim. Embora a bacia do Rio Pântano tenha registrado intensas transformações paisagísticas, ainda não dispõe de um documento cartográfico capaz de estabelecer as diretrizes para uma expansão/ocupação ordenada. Contudo, torna-se de vital importância à elaboração do mapeamento das fragilidades e potencialidades do ambiente, no sentido de contribuir com um processo de desenvolvimento sustentável. O objetivo desse trabalho é elaborar um conjunto de instruções pautadas em documentos cartográficos e relatórios técnicos que possibilitem uma utilização ordenada das terras na bacia hidrográfica do Rio Pântano. Os procedimentos metodológicos se fundamentarão em técnicas de análise espacial em Sistema de Informação Geográfica (SIG), tratamento digital de imagens ópticas e de radar, modelagem preditiva de uso e cobertura da terra e trabalhos de campo. Espera-se, portanto contribuir com a ampliação das informações ambientais sobre a bacia que apresenta um expoente potencial agropecuário em um ambiente frágil, pautadas em dados de sensoriamento remoto e técnicas de geoprocessamento, que subsidiem as ações governamentais dos municípios, estado e do governo federal.
Palavras-chave
   Rio Pântano, Modelagem Dinâmica, Zoneamento Ambiental, Bacia Hidrográfica, Eucalipto
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar