«« Voltar
IDENTIFICAÇÃO MOLECULAR DE Enterocytozoon bieneusi EM BEZERROS DO PANTANAL DE MATO GROSSO DO SUL
Protocolo do SIGProj:   289027.1530.274201.22122017
De:02/01/2018  à  31/12/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Vagner Ricardo da Silva Fiuza
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  INBIO - Instituto de Biociências
Unidade de Origem
  CPQ - Comissão Setorial de Pesquisa
Resumo da Ação de Extensão
  Microsporídeos são microorganismos capazes de causar infecção em seres humanos e em uma ampla variedade de animais, podendo causar a microsporidiose, doença que tem como principal característica a presença de episódios de diarreia com tendência à cronicidade. Enterocytozoon bieneusi é a espécie mais comumente encontrada nestes hospedeiros, inclusive em bovinos. Apesar do Brasil possuir o segundo maior rebanho bovino do mundo e ser o maior exportador de carne bovina, informações acerca da presença ou do impacto de E. bieneusi nesta espécie animal são escassas. Para preencher esta lacuna, a presente pesquisa propõe o diagnóstico molecular de E. bieneusi através da Reação em Cadeia da Polimerase (PCR) em bezerros da região do Pantanal de Mato Grosso do Sul, determinando ainda se a infecção em bezerros machos ou fêmeas pode ser considerado como um fator de risco em animais desta região.
Palavras-chave
   Microsporidia, PCR, Bovinos
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO PARCIAL
Contato
  
«« Voltar