«« Voltar
Biodegradabilidade de micropoluentes dos efluentes domésticos em sistemas naturais de tratamento usando macrófitas locais: harmonizando o acesso ao saneamento e a sustentabilidade do bioma Pantanal
Protocolo do SIGProj:   289020.1429.3854.05122017
De:20/12/2017  à  20/11/2020
 
Coordenador-Extensionista
  Paula Loureiro Paulo
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  FAENG - Faculdade de Engenharias, Arquitetura e Urbanismo e Geografia
Unidade de Origem
  Gab/Dir - Gabinete do Diretor
Resumo da Ação de Extensão
  O Pantanal é considerado a maior superfície inundável interiorana do mundo, onde dois terços da sua área localizam-se em Mato Grosso do Sul. A população pantaneira é caracterizada principalmente por indígenas, quilombolas, comunidades Amolar e Paraguai Mirim, coletores de iscas, colônias de pescadores e ribeirinhos, os quais habitam áreas de difícil acesso e podem permanecer isoladas por longos períodos devido às flutuações hídricas do ecossistema Pantanal. Para comunidades de baixa densidade, isoladas e com condições ambientais variáveis, como a região pantaneira, os sistemas descentralizados são mais apropriados, sobretudo por existirem modelos que permitem a recuperação das águas residuais, tornando o sistema ambientalmente sustentável. Um sistema descentralizado que auxilia na recuperação das águas residuárias são os wetlands construídos (Constructed Wetland - CW), que consistem em sistemas naturais (ecotecnologias) e utilizam da interação entre plantas e microrganismos com elevada eficiência de remoção da matéria orgânica, nutrientes, sólidos suspensos, patógenos e micropoluentes, que podem causar graves danos ao sistema endócrino humano e consequentemente à saúde, além de interferirem na capacidade de reprodução de peixes, pássaros, anfíbios e invertebrados. O principal benefício do uso do sistema wetland construído é a sua integração com o ecossistema do Pantanal: i) utilizando macrófitas adaptadas à região e à fauna local; ii) plantas resistentes ao regime de cheias; iii) ambientalmente saudável; iv) materiais de baixo custo; v) pode atender locais isolados do saneamento centralizado; de modo que o conjunto dos resultados otimizados para a região represente uma solução susceptível para a situação local específica.
Palavras-chave
   Pantanal, Wetland construído, Macrófitas, ribeirinhos, micropoluentes
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar