«« Voltar
Gênero, feminismos e classe.
Protocolo do SIGProj:   288330.1565.249348.13122017
De:02/03/2018  à  02/08/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Diogenes Pereira Sgarbi
Instituição
  IFSP - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo
Unidade Geral
  PRX - Pró Reitoria de Extensão
Unidade de Origem
  CTD - Catanduva
Resumo da Ação de Extensão
  Ante o cenário brasileiro que aponta para altos índices de violência de gênero, bem como para restrições acerca desta abordagem em espaços que promovem a educação e a cultura, a realização deste curso é uma resistência dentro da universidade, a fim de alertar às igualdades que devem permear as relações humanas. Os números da Fundação Perseu Abramo, em sua última pesquisa, sintetizam uma realidade que deve ser transformada a partir de discussões travadas na seara dos direitos humanos e no campo da justiça nos diversos espaços de convívio, com primazia aos ambientes educacionais que possuem como princípio a justiça social. Em síntese, seguem os índices supramencionados: cinco mulheres são espancadas a cada 2 minutos; uma em cada cinco mulheres consideram já ter sofrido alguma vez “algum tipo de violência por parte de algum homem, conhecido ou desconhecido”; o parceiro (marido/namorado) é o responsável por mais 80% dos casos reportados; uma mulher é estuprada a cada 11 minutos e um feminicídio ocorre a cada 1:30 hora. Doravante, necessário se faz um curso que debata e da transformação a importância de uma nova consciência – principalmente a dos jovens, por estarem em processo de formação de suas convicções e, também, influenciando direta e indiretamente diversas gerações. Isto porque, as violências e estereótipos de gênero estão entre as grandes causas de suicídio na juventude, por limitarem, exporem e reprimirem mulheres e homens. Neste sentido, o curso será aberto à comunidade, servidores(as) e estudantes do IFSP da Cidade.
Palavras-chave
   GÊNERO, LUTA POLÍTICA, JUSTIÇA SOCIAL, DIREITOS HUMANOS
Público-Alvo
  Este curso é destinado a jovens e adultos da cidade de Catanduva e região, de qualquer área de formação, tendo como exigência mínima que o participante possua 15 anos completos na data da matrícula
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar