«« Voltar
Técnico em Alimentos da Agrobiodiversidade do Bailique
Protocolo do SIGProj:   287526.1389.29953.20122017
De:01/11/2016  à  31/12/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Jorge Alberto Vieira Costa
Instituição
  FURG - UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE
Unidade Geral
  UE - Unidades Educacionais
Unidade de Origem
  EQA - Escola de Química e Alimentos
Resumo da Ação de Extensão
  O Projeto do Centro de Vocação Tecnológica (CVT) da Agrobiodiversidade do Bailique-Rio Grande, financiado pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), é coordenado pela Universidade Federal do Rio Grande (FURG) em parceria com a Oficina Escola de Lutheria da Amazônia (OELA). Especificamente, o projeto do CVT do Bailique está inserido dentro do projeto de Protocolos Comunitários, que está sendo desenvolvido no arquipélago do Bailique desde Outubro de 2013, atualmente a coordenação local é realizada pela Associação da Escola Familia Agroextrativista do Bailique – AEFAB, pela OELA em parceria com a Associação das Comunidades Tradicionais do Bailique (ACTB). O projeto do CVT tem duração de 3 anos e toda a estrutura está sendo pensada para que posteriormente o espaço possa se tornar a Escola Família da Agrobiodiversidade do Bailique. O Curso técnico em Alimentos da Agrobiodiversidade tem o objetivo de selecionar estudantes de ensino médio concluído, residentes no Arquipélago do Bailique, que apresentem espírito critico e visão estratégica sobre a Valorização da Agrobiodiversidade da Região do Bailique. São ofertadas anualmente 20 vagas, por meio de processo seletivo realizado por provas que abordam as áreas de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, Linguagens e Matemática e suas Tecnologias. O curso tem a duração de 1 (um) ano, com carga horária total mínima de 1.200 h. O curso vem sendo desenvolvido na Comunidade do Arraiol do Bailique, em estrutura disponibilizada pela Associação de moradores.
Palavras-chave
   Arquipélago Bailique, Centro de Vocação Tecnológica (CVT), Curso técnico em Alimentos da Agrobiodiversidade
Público-Alvo
  O público alvo beneficiado pelo projeto será a comunidade do Arquipélago Bailique, estudantes de pós-graduação em Engenharia e Ciência de Alimentos e docentes da Instituição.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar