«« Voltar
Microbiologia e Inocuidade de Alimentos (MIA): da Indústria aos Serviços de Alimentação - Capacitando o setor de Food Truck (Cópia) 03-04-2017 (Cópia) 21-11-2017
Protocolo do SIGProj:   287494.1554.129664.21112017
De:10/01/2018  à  10/01/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Karen Signori Pereira
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CT - Centro de Tecnologia
Unidade de Origem
  EQ - Escola de Química
Resumo da Ação de Extensão
  O ensino e a abordagem de conceitos de microbiologia de alimentos é um grande desafio para os profissionais da área de educação, bem como para seu público alvo: manipuladores de alimentos. A principal dificuldade reside no fato do perigo (os micro-organismos patogênicos) ser algo 'abstrato', invisível a olho nu. Adicionalmente, os números à respeito da alimentação fora de casa e o mercado dos 'Food Trucks' vem apontando cada vez mais para um setor em expansão e com potencial crescimento. Assim, é de fundamental importância a realização de atividades que auxiliem na compreensão e assimilação de conceitos sobre segurança de alimentos e legislações pertinentes à área. CONSCIENTIZÁ-LOS E CAPACITÁ-LOS sobre a importância da adoção de práticas higiênicas de trabalho e a relação das mesmas com a microbiologia é fundamental para a produção de alimentos seguros. Adicionalmente, e não menos importante, é necessário salientar como tais conceitos não podem ser dissociados das Legislações Sanitárias vigentes, e como estas podem auxiliar aqueles que produzem alimentos. Assim, a realização de um seminário com palestras, oficinas e grupos de discussão permitirá a transmissão do conhecimento de professores da universidade e alunos, especialmente do curso de graduação em Engenharia de Alimentos da EQ/UFRJ e pós-graduação, aos profissionais do setor de serviços de alimentação - Food Truck; deste modo, permitindo o crescimento e amadurecimento profissional, bem como transmissão de conhecimento, para todos os envolvidos.
Palavras-chave
   Food Truck, Legislação, Boas Práticas de Fabricação, Inocuidade, Higiene
Público-Alvo
  O público alvo da ação serão os donos e/ou empregados do setor de 'Food Trucks' da cidade do Rio de Janeiro. Ressalto que há interesse dos profissionais do setor (proprietários e trabalhadores) neste tipo de ação uma vez que é um ramo de serviços de alimentação que vem crescendo e sofrendo constantes ações de fiscalização da Vigilância Sanitária; sem, entretanto, ações educativas no que tange à segurança neste tipo de serviço. Informo, ainda, que faço parte da Comissão de Estudo Especial de Food Truck da ABNT(CEE-230), para elaboração de uma norma específica para segurança, incluindo segurança de alimentos, no setor de Food Truck. Nesta comissão, há diversos profissionais do setor que relatam a demanda para este tipo de ação.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar