«« Voltar
Centro de Produção Teatral
Protocolo do SIGProj:   287047.1554.124021.22112017
De:10/02/2018  à  10/03/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Antonio de Souza Pinto Guedes
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CLA - Centro de Letras e Artes
Unidade de Origem
  EBA - Escola de Belas Artes
Resumo da Ação de Extensão
  O Centro de Produção Teatral é, simultaneamente, um projeto de pesquisa e um projeto de extensão. Criado em 2008 com o objetivo de fomentar a cultura teatral na Escola de Belas Artes, logo o CPT revelou seu potencial extensionista devido ao natural jogo dialógico que o teatro propõe entre a cena e o público. Ao longo de sete anos trouxemos autores como Plínio Marcos, Nelson Rodrigues, Büchner, Beckett e Novarina para o centro das nossas investigações cênicas. Agora, após um recesso desde 2015 – período em que o coordenador esteve licenciado para a realização do doutorado em Lisboa – preparamos para 2018 uma nova pesquisa centrada no delicado momento pelo qual passa o país. Questões fundamentais para a vida em comum tais como a Ética, a Política e as relações entre a arte e a sociedade serão abordadas em três momentos nos quais faremos apresentações de diferentes espetáculos. E após cada apresentação vamos promover uma discussão com o público sobre as questões trabalhadas. Esse projeto, para além de dar acesso a um bem cultural, proporcionará um debate sobre o atual momento do país. O caráter extensionista está na promoção de uma experiência teatral entre espetáculo e público. Porque se os artistas apresentarão as escolhas que fizeram ao longo do processo de criação, o público irá interagir sinalizando o grau de recepção destas escolhas. Em arte, a reflexão não se dá apenas de forma intelectual. E o aprendizado dos participantes se dá a partir da recepção do público.
Palavras-chave
   Teatro, Política, Linguagem, Dramaturgia, Cenografia
Público-Alvo
  Nosso público-alvo será, num primeiro momento, os estudantes de todas as unidades da UFRJ. Entretanto, por desenvolvermos o projeto fora do Campus da UFRJ, o público das apresentações será formado de estudantes de diversas idades e de diversos níveis. O Calouste Gulbenkian agrega muitos estudantes do ensino médio. Quanto aos participantes do projeto, teremos uma ficha técnica formada de alunos da EBA/UFRJ e um elenco formado de atores recém formados de diversos cursos de interpretação da cidade do Rio de Janeiro.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   Antonio Guedes antonioguedes@ufrj.br 21-9607-5845
«« Voltar