«« Voltar
Projeto Campo Cidade: fotalecendo coletivos de trabalho da reforma agrária
Protocolo do SIGProj:   286851.1554.34352.22112017
De:12/01/2018  à  31/12/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Felipe Addor
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CT - Centro de Tecnologia
Unidade de Origem
  NIDES/CT - Núcleo Interdisciplinar para o Desenvolvimento Social
Resumo da Ação de Extensão
  O Projeto de extensão Campo Cidade: fortalecendo coletivos de trabalho da reforma agrária, do Programa de Extensão Núcleo de Solidariedade Técnica (Soltec/UFRJ), vinculado ao Nũcleo Interdisciplinar para o Desenvolvimento Social (Nides/UFRJ), vem desde de 2014 desenvolvendo um trabalho de apoio à produção coletiva em acampamentos e assentamentos da reforma agrária no estado do Rio de Janeiro. O objetivo do projeto é, em um processo dialógico de construção do conhecimento, promover habilidades e desenvolver ferramentas que auxiliem os agricultores na gestão da produção e comercialização de produtos agroecológicos, a partir de uma perspectiva cooperativa e autogestionária. Este trabalho, que abrange coletivos de produção de várias regiões do estado, é realizado em intenso diálogo com os principais movimentos sociais rurais do país, e também com outros movimentos que buscam produzir de forma coletiva e solidária. Pretende-se contribuir na perspectiva de uma outra tecnologia, baseada também nos conhecimentos e culturas dos trabalhadores, que sirva à melhoria das condições de vida e trabalho dos pequenos agricultores agroecológicos.
Palavras-chave
   Reforma Agrária, Gestão da Produção, Agroecologia, Economia Solidária, Tecnologia Social
Público-Alvo
  O público-alvo são os agricultores e familiares que moram em acampamentos e assentamentos da Reforma Agrária no estado do Rio de Janeiro Assentamento Terra Prometida - Duque de Caxias e Nova Iguaçu = 51 famílias Assentamento Terra da Paz - Piraí =33 famílias Assentamento Roseli Nunes - Piraí = 38 famílias Assentamento Vida Nova - Barra do Piraí - 25 famílias Comunidade Campo Alegre - Queimados = 60 famílias A Coopscamp compreende cerca de 110 famílias do Assentamento Zumbi dos Palmares na região de Campos dos Goytacazes. O Movimento dos Pequenos Agricultores engloba 7 famílias mais 30 produtores de Nova Iguaçu. Vale registrar que essas famílias e territórios estão organizadas em três regiões que se articulam para realizar as atividades conjuntamente: Região Baixada Fluminense, Região Sul Fluminense, Região Norte.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   felipe@nides.ufrj.br - + 55 21 3938-7780
«« Voltar