«« Voltar
Raízes e Frutos 10 anos: Memórias e Práticas Caiçaras da Península da Juatinga
Protocolo do SIGProj:   286644.1554.65591.22112017
De:01/03/2018  à  30/06/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Leticia Parente Ribeiro
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CCMN - Centro de Ciências Matemáticas e da Natureza
Unidade de Origem
  IGEO - Instituto de Geociências
Resumo da Ação de Extensão
  O evento constitui um balanço dos 10 anos de experiência do projeto de extensão “Raízes e Frutos: uma vivência nas comunidades caiçaras da Península da Juatinga - Parati/RJ”. Por meio de debates, atividades lúdicas e oficinas, pretende-se discutir os caminhos e os desafios atuais para a salvaguarda do patrimônio imaterial caiçara com os mestres das comunidades da Península da Juatinga, os membros do projeto, antigos e atuais, e o público. Durante os três dias do evento ocorrerão ciclos de diálogo sobre temas relacionados à cultura caiçara e apresentações dos registros de memórias e práticas caiçaras realizados no âmbito do projeto, como livros e filmes de curta-metragem. No encerramento haverá um espaço para a confraternização e celebração entre os participantes e os convidados. O evento é direcionado para o público universitário do estado do Rio de Janeiro, para os alunos e professores de escolas da rede pública localizadas no município e para os movimentos sociais vinculados à defesa dos direitos das comunidades tradicionais. Busca-se, desta forma, ampliar a visibilidade das culturas tradicionais no âmbito das instituições de ensino formal.
Palavras-chave
   Cultura Caiçara, Saber Tradicional, Comunidades Tradicionais, Patrimônio Imaterial
Público-Alvo
  O público alvo do evento é composto, em primeiro lugar, pelos mestres das comunidades caiçaras da Península da Juatinga e por antigos integrantes do projeto Raízes e Frutos. Outro público prioritário que o evento busca atingir, é composto por professores e alunos da rede do Colégio Pedro II e do Colégio de Aplicação da UFRJ, com o objetivo de ampliar a discussão sobre as comunidades tradicionais no ensino formal. O evento também terá como público alvo os docentes, discentes e técnicos da UFRJ e de outras universidades do Estado do Rio Janeiro (federais e estaduais) e membros de movimentos sociais vinculados à defesa dos direitos das comunidades tradicionais. Indiretamente, buscamos atingir as comunidades caiçaras da Península da Juatinga através de uma carta política que será construída pelos participantes ao longo do evento.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   projetoraizesefrutos@gmail.com
«« Voltar