«« Voltar
Prevalência de ortorexia nervosa em uma amostra de indivíduos adultos de Campo Grande (MS)
Protocolo do SIGProj:   285901.1430.168721.02112017
De:06/01/2018  à  31/12/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Giovana Eliza Pegolo
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  FACFAN - Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Alimentos e Nutrição
Unidade de Origem
  CPQ - Comissão Setorial de Pesquisa
Resumo da Ação de Extensão
  A ortorexia nervosa é um termo designado para representar um transtorno alimentar no qual os indivíduos são excessivamente preocupados com o consumo de alimentos saudáveis, sendo meticulosamente cuidadosos com suas dietas e excluindo substâncias impuras ou poluídas presentes naquilo que comem. Este estudo tem como objetivo identificar a prevalência de ortorexia nervosa em uma amostra de adultos da população de Campo Grande (MS) e associar com o Índice de Massa Corporal, com a percepção da imagem corporal e com fatores sociodemográficos. Trata-se de um estudo observacional, transversal, com abordagem quantitativa e delineamento amostral não probabilístico. A amostra será constituída por indivíduos de ambos os gêneros, com idade igual ou superior a 18 anos e inferior a 60 anos. Para caracterização da amostra serão obtidas, por meio de um questionário, informações sociodemográficas e valores de peso e altura autorreferidos. Para a identificação da imagem corporal será aplicada escala de silhuetas validada para adultos brasileiros. O questionário ORTO-15 será aplicado para determinar a presença de ortorexia nervosa. Esperamos identificar a prevalência de ortorexia nervosa em uma amostra de adultos não pertencentes aos grupos de risco e assim conhecer como este transtorno manifesta-se em nosso meio. Além disso, nosso estudo poderá subsidiar estratégias de cuidado à saúde na área de Saúde Coletiva.
Palavras-chave
   Índice de Massa Corporal, Imagem corporal, Transtorno
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar