«« Voltar
CONHECENDO O TRABALHO PROFISSIONAL DOS ASSISTENTES SOCIAIS NA SAÚDE MENTAL E DROGAS DO RIO DE JANEIRO
Protocolo do SIGProj:   285377.1554.162737.21112017
De:10/01/2018  à  10/01/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Rita de Cássia Cavalcante Lima
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CFCH - Centro de Filosofia e Ciências Humanas
Unidade de Origem
  ESS - Escola de Serviço Social
Resumo da Ação de Extensão
  O Projeto de Pesquisa Saúde Mental, Desinstitucionalização e Abordagens Psicossociais (TRANSVERSÕES), registrado nos Grupos de Pesquisa do CNPq, recebe demanda de assistentes sociais para qualificar o trabalho profissional desenvolvido com pessoas em sofrimento psíquico e, ou, com uso prejudicial de drogas. As conquistas da reforma psiquiátrica para o acesso das pessoas em sofrimento psíquico aos direitos sociais e aos direitos humanos têm requerido qualificação dos assistentes sociais em meio ao trabalho coletivo das equipes. Em contraposição, o controle punitivo tem aumentado no plano nacional, ameaçando a pauta ético-política da produção de saúde em liberdade, retornando a demanda por internações forçadas. O projeto de extensão CONHECENDO O TRABALHO PROFISSIONAL DOS ASSISTENTES SOCIAIS NA SAÚDE MENTAL E DROGAS DO RIO DE JANEIRO se vincula ao TRANSVERSÕES enquanto pesquisa-ação e objetiva conhecer como os assistentes sociais apreendem e respondem aos problemas cotidianos relativos à saúde mental e ao consumo de drogas em diversos espaços sócio-ocupacionais no Município do Rio de Janeiro. Como a psiquiatria e o sistema de justiça têm sido as instituições que intervêm sobre esses fenômenos e o hospital universitário é um centro de formação de assistentes sociais para a saúde, o projeto de extensão oferece “Formação, Encontros e Conversas” para assistentes sociais e estudantes da área na modalidade de eventos seminários, curso de extensão, oficinas dialógicas e assessorias, permitindo, ainda, que alunas de graduação em Serviço Social se impliquem com a reversão da onda punitiva e se orientem pelo Código de Ética Profissional.
Palavras-chave
   Trabalho profissional, Serviço Social, Saúde Mental, Sistema de Justiça, álcool e drogas
Público-Alvo
  Docentes da UFRJ, alunas do curso de Serviço Social da UFRJ, alunas do Programa de Pós-Graduação em Serviço Social da UFRJ, assistentes sociais da saúde mental do Município do Rio de Janeiro, assistente social do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   Site da Escola de Serviço Social
«« Voltar