«« Voltar
Aleitamento Materno Exclusivo e fatores associados ao desmame precoce
Protocolo do SIGProj:   284081.1430.168721.02112017
De:08/01/2017  à  31/12/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Giovana Eliza Pegolo
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  FACFAN - Faculdade de Ciências Farmacêuticas, Alimentos e Nutrição
Unidade de Origem
  CPQ - Comissão Setorial de Pesquisa
Resumo da Ação de Extensão
  O leite materno é um alimento completo e seguro para a nutrição do bebê, além de influenciar positivamente o fortalecimento do vínculo entre mãe e filho. A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que o Aleitamento Materno Exclusivo seja ofertado até o sexto mês de vida como única fonte alimentar. Este estudo tem como objetivo identificar a frequência do Aleitamento Materno Exclusivo e as causas relacionadas ao desmame precoce. Trata-se de um estudo observacional, transversal, com abordagem quantitativa, a partir de coleta de dados primários e com delineamento amostral não probabilístico. A amostra será constituída por mães de crianças com idade igual ou inferior a 2 anos (≤ 24 meses) na data da coleta de dados, que procurarem atendimento pediátrico em uma Unidade de Pronto Atendimento de Campo Grande (Mato Grosso do Sul). Será realizada entrevista individual, a partir de um formulário desenvolvido para esta pesquisa, com informações sociodemográficas, sobre a gestação, Aleitamento Materno Exclusivo e tempo de amamentação, e sobre o período pós-parto. Espera-se identificar a frequência de Aleitamento Materno Exclusivo, considerando que experiências sugerem que as mães ofertam alimentos e outros tipos de leite para o bebê antes dos seis meses, o que representa o rompimento do aleitamento exclusivo.
Palavras-chave
   Aleitamento Materno, Alimentação complementar, Desmame precoce
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar