«« Voltar
EDUSAZ - Educação em Saúde à Geração Z
Protocolo do SIGProj:   283403.1475.272239.23112017
De:01/03/2018  à  01/03/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Lucas Gazarini
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CPTL - Câmpus de Três Lagoas
Unidade de Origem
  CEX - Comissão Setorial de Extensão
Resumo da Ação de Extensão
  O projeto EDUSAZ tem por objetivo trabalhar com adolescentes do ensino fundamental de escolas de Três Lagoas/MS. Serão contemplados os campos da nutrição e transtornos alimentares, drogas e dependência química, primeiros socorros e higiene e prevenção de doenças. Haverá inicialmente coleta de dados sobre a informação prévia que os adolescentes possuem. Depois, serão aplicadas gincanas, dinâmicas, palestras, aulas temáticas, rodas de conversa, jogos e teatros que priorizem o aprendizado de forma interativa e eficiente. Por último, serão reaplicados os questionários para conhecer os efeitos dessas ações. A importância das intervenções vai além de apenas trazer a informação, elas servem para abordar assuntos difíceis e às vezes pouco comentados ou mesmo discutidos de forma inibitória nessa faixa etária, preparando o adolescente para a vida adulta e exercitando sua interação social e empatia. Também, é possível compreender que a relação dos discentes, membros do projeto, com os alunos das escolas, será uma experiência enriquecedora para a formação acadêmica, acrescentando experiências construtivas, aumentando a proatividade e conhecimento das áreas trabalhadas.
Palavras-chave
   Educação em saúde, Adolescente, Geração z
Público-Alvo
  O projeto é voltado para os adolescentes, alunos do ensino fundamental de algumas escolas da cidade de Três Lagoas/MS. Essa faixa etária foi escolhida por compreender a geração Z, que - de acordo o doutor em comunicação Dado Schneider, que estuda o comportamento dessa nova geração há anos - será revolucionária. 'Eles enxergam o mundo diferente. Sua relação com o tempo é outra, é online, a maneira como lidam com hierarquias e a autoridade, enfim, tudo é diferente para a geração deste milênio e as organizações devem se inspirar nela'. Dessa forma, fica evidente que uma correta preparação desses adolescentes na educação em saúde nos campos da nutrição e transtornos alimentares, drogas e dependência química, primeiros socorros e higiene e prevenção de doenças são fundamentais. Assim, o projeto será útil ao abordar essas questões e levar conhecimento para esses alunos. É de intenção abranger os alunos tanto da rede privada quanto a pública, para melhor comparativo e visa-se um total de 1200 alunos.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   projetoedusaz@gmail.com
«« Voltar