«« Voltar
A REPRESENTAÇÃO DAS MULHERES EM TRÊS CONTOS DE MACHADO DE ASSIS
Protocolo do SIGProj:   282110.1530.8268.11092017
De:01/10/2017  à  30/09/2018
 
Coordenador-Extensionista
  José Alonso Torres Freire
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CPAQ - Câmpus de Aquidauana
Unidade de Origem
  CPQ - Comissão Setorial de Pesquisa
Resumo da Ação de Extensão
  Este trabalho objetiva analisar a representação das mulheres em três contos de Machado de Assis: “Uns braços”, “Missa do galo”, “O Alienista”. Neles o foco são mulheres de certa forma insatisfeitas com seus companheiros ou submissas aos desejos deles, o que é o ponto de partida de todas as tramas. Como suporte teórico, recorremos a “Formação da Literatura Brasileira: momentos decisivos” (2007), de Antônio Candido, que não possui uma crítica específica à obra de Machado de Assis, mas demonstra como este autor é um ponto de maturidade na Literatura Brasileira; além de outros textos desse autor, também realizaremos a leitura e fichamento de críticos como Lúcia Miguel Pereira (1994), Mário Matos (1962), o prefácio de Flávio Aguiar (1981) à seleção de contos, entre outros. Considerando que o conto foi um dos gêneros em que Machado de Assis mais exercitou seus recursos expressivos, que depois apareceram com vigor em romances, é pertinente analisar a representação das mulheres já que essas figuras são bastante recorrentes, frequentemente como centro da trama. Portanto, pela importância dos contos na obra do autor, que muitas vezes são as vias pelas quais são seduzidos os leitores, justifica-se a investigação das representações da figura feminina nos textos selecionados.
Palavras-chave
   Literatura Brasileira, conto, Machado de Assis, mulheres, representação
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO PARCIAL
Contato
  
«« Voltar