«« Voltar
Boré: grupo de flautas da UFAM
Protocolo do SIGProj:   281779.1383.95200.05092017
De:30/10/2017  à  30/11/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Lucyanne de Melo Afonso
Instituição
  UFAM - Universidade Federal do Amazonas
Unidade Geral
  PROEXT - PRO-REITORIA DE EXTENSÃO
Unidade de Origem
  FAARTES - FACULDADE DE ARTES
Resumo da Ação de Extensão
  Boré: grupo de flautas da UFAM tem o objetivo de organizar um grupo de sopro com a formação da família da flauta doce e outros instrumentos de sopro da orquestra. A formação do grupo possibilitará o aprimoramento da técnica instrumental, a performance, a execução individual e em conjunto e a integração de seus participantes. Boré significa na língua indígena Tupi guarani flauta de osso , a partir dela, a evolução desse instrumento primitivo desenvolveu-se em outros instrumentos de sopro de épocas distintas como a flauta doce, posteriormente a flauta transversal, entre outros instrumentos de sopro que foram surgindo. Mas a flauta doce tem sua importância como um instrumento orquestral e solista como era tratada antigamente. Boré será um grupo de instrumentos de sopro com timbres diferenciados: da flauta doce ao metais.
Palavras-chave
   Instrumento de sopro, licenciatura em música, UFAM
Público-Alvo
  Discentes de Música da UFAM Professores de Música da UFAM Discentes e professores de outra instituição de ensino superior, professores e alunos da educação básica
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar