«« Voltar
Implantação de horta com espécies não convencionais na Aldeia Limão Verde
Protocolo do SIGProj:   279630.1523.290655.07082017
De:01/10/2017  à  01/08/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Tauan Corrêa Gonçalves
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  Aquidauana - Unidade Universitária de Aquidauana
Unidade de Origem
  Agronomia - Coordenação de Curso de Agronomia
Resumo da Ação de Extensão
  A população indígena, mais especificamente os índios Terenas da Aldeia Limão Verde, Aquidauana–MS, possuíam em sua dieta alimentar espécies vegetais que eram disponibilizados pela natureza, ou seja, não eram cultivados, e sim coletados. Porém, com o passar dos anos foram desaparecendo gradativamente, a ponto de, algumas espécies, se extinguirem na região. Isso se deve ao fato de que, a maior parte da vegetação local foi devastada para a implantação de pastos, por fazendeiros vizinhos, e também por não serem cultivadas. Hodiernamente certas espécies vegetais são denominadas “ervas daninha’’, por serem plantas invasoras, não serem exigentes quanto aos tratos culturais, e se adaptarem a diversos ambientes, entretanto, sem os conhecimentos indígenas de outrora dificulta a seleção dos que podem ser consumidos e dos que não podem. “A maioria das plantas denominadas “daninhas’’, ou genericamente chamadas de “mato’’, que nascem espontaneamente em qualquer lugar, não são cultiváveis, porém, apresentam uma grande importância ecológica e, dependendo da espécie, alimentícia” (Kinupp,2009). “As hortaliças nativas, conhecidas como “hortaliças regionais’’, ou também como “hortaliças não convencionais’’, são julgados como “mato’’ enquanto não cultivados em larga escala e utilizados regularmente. Algumas das espécies vegetais, que são conhecidas atualmente como “culturas agronômicas’’, já foram considerados “mato’’”(Kinupp,2009). Neste sentido, este projeto terá como intuito de aguçar a curiosidade por parte das crianças e adolescentes da comunidade, realçando lhes a vontade de aprender mais sobre as culturas de seus antepassados, e assim aprenderem a cultivar e consumir essas hortaliças que com o passar dos anos caíram em desuso na aldeia.
Palavras-chave
   recursos genéticos, resgate, cultivares crioulas
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO PARCIAL
Contato
  
«« Voltar