«« Voltar
Diagnóstico anatomopatológico e histopatológico de animais silvestres provenientes do centro de triagem de animais silvestres de Araguaína-TO
Protocolo do SIGProj:   272924.1400.266759.19052017
De:05/06/2017  à  05/12/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Ana Patrícia de Carvalho da Silva
Instituição
  UFT - Universidade Federal do Tocantins
Unidade Geral
  CUA - Campus de Araguaína
Unidade de Origem
  VET - MEDICINA VETERINÁRIA
Resumo da Ação de Extensão
  Este projeto tem como objetivo principal determinar, através dos exames de necropsia e histopatológico a causa da morte de animais silvestres provenientes do CETAS de Araguaína que forem enviados ao setor de patologia da Escola de Medicina Veterinária e Zootecnia (EMVZ) da UFT. Assim, sua execução prioriza instituição de medicação adequada para minimizar os efeitos de agentes infecciosos ou extingui-los, assim como indicar medidas de controle e profilaxia, evitando reincidência da doença ou surgimento de novas. Dessa forma, este estudo auxiliará na sanidade desses animais visando equilíbrio ambiental. Serão feitas necropsias dos animais que vierem a óbito no setas e exames complementares para finalizar o diagnóstico.
Palavras-chave
   necropsia, histopatologia, animais silvestres
Público-Alvo
  Público interno e externo (Centro de triagem de animais silvestres) da UFT
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   apcarvalhosilva@gmail.com
«« Voltar