«« Voltar
:Educação em Direitos Humanos e Prevenção da Violência contra Mulheres da Mare- NEDH/NIAC
Protocolo do SIGProj:   267810.1484.40596.30052017
De:30/06/2017  à  30/06/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Miriam Krenzinger
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CFCH - Centro de Filosofia e Ciências Humanas
Unidade de Origem
  ESS - Escola de Serviço Social
Resumo da Ação de Extensão
  O presente projeto é um iniciativa do Serviço Social do Núcleo Interdisciplinar de Ações para a Cidadania (NIAC) e Núcleo De Educação em Direitos Humanos cujas principais ações visam articular redes de acesso à justiça; prestar assessoria interdisciplinar aos movimentos de base, conselhos de direitos e fóruns locais que lutam pela promoção da cidadania emancipada; garantir a defesa dos direitos fundamentais, através da difusão e educação em Direitos Humanos às pessoas vulneráveis as dinâmicas da violência interpessoal e, promover a criação de espaços de discussão junto aos educadores e operadores sociais visando o fortalecimento dos mecanismos extrajudiciais de resolução dos conflitos e o desenvolvimento de práticas alternativas ao modelo punitivo de criminalização/vitimização da pobreza que caracteriza o sistema brasileiro de justiça social e criminal vigente; entre outros importantes objetivos. Este projeto, especificamente, busca, nesse sentido implantar ações interdisciplinares de ensino, pesquisa e extensão visando à formação, promoção de políticas e projetos acadêmicos no campo da Educação em Direitos Humanos e Prevenção da Violência contra Mulheres da Maré.
Palavras-chave
   Educação em Direitos Humanos, Prevenção da Violência
Público-Alvo
  Mulheres moradoras da Maré; profissionais da redes de atendimento e serviços de proteção aos direitos da Maré (Escolas do ensino Fundamental; Unidades de Saúde, CRAS/CREAS) Discentes, docentes da UFRJ e outras IFES, bem como profissionais da Segurança Pública, Sistema de Justiça e Rede Pública de Ensino Fundamental e médio. A abrangência do projeto, dos estudos, e das pesquisas propostos, será Nacional. Estima-se em 13.000 pessoas o público alvo direto do Programa Niac da UFRJ que são as mulheres/famílias, os gestores professore, estudantes e técnicos universitários O público alvo indireto se revela muito mais amplo, abrangendo os mais diversos atores sociais que trabalham no âmbito da educação em direitos humanos (organizações da sociedade civil, Poder Público, profissionais ligados ao sistema de defesa dos diretos das mulheres, de educação, segurança pública entre outros).
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   A área de Comunicação da Casa das Mulehres? REDES da Mare auxiliará na edição da página do site além de contribuir na difusão eletrônica do Projeto por meio das mais variadas formas de comunicação social: facebook, youtube, radio comunitaria
«« Voltar