«« Voltar
PRÁTICAS EDUCATIVAS DE ENFERMAGEM PARA IDOSOS COM COMUNICAÇÃO VERBAL PREJUDICADA
Protocolo do SIGProj:   266355.1435.228677.01042017
De:01/08/2017  à  01/08/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Jackeline do Amaral Hetzel
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  Unidade de Dourados - Unidade Universitária de Dourados (pólo)
Unidade de Origem
  Enfermagem - Coordenação do Curso de Enfermagem
Resumo da Ação de Extensão
  O envelhecimento, seguido pelo desenvolvimento da fragilidade, estimula mudanças no organismo e estas são responsáveis por vários tipos de alterações clínicas, descritas no trato aéreo-digestivo superior pelos distúrbios de voz e de deglutição, fazendo com que o indivíduo idoso não consiga mais desenvolver de forma precisa e estável as funções do sistema estomatognático. O sistema estomatognático tem a função de mastigação, deglutição, fonação, expressão e estética facial e postura da mandíbula, da língua e do osso hióide, sendo que dentre estas funções, a mastigação é a que gera maior esforço oclusal. Afirma-se que uma das principais questões que levam a uma boa qualidade de vida do idoso é o relacionamento e a comunicação social com outras pessoas, sendo que este processo está intimamente ligado a sua voz. Com o passar dos anos a voz sofre modificações, levando a distúrbios, por conta do envelhecimento da laringe, a diminuição da elasticidade dos tecidos, diminuição da capacidade vital, sendo que estão relacionados ao mal funcionamento do sistema estomatognático. Por conta de todas estas necessidades de adequação vocal o idoso necessita de cuidados específicos para tratamento da doença, vindos dos profissionais da equipe de saúde, portanto, este estudo objetiva mostrar a importância do cuidado da enfermagem, e principalmente as condutas que deve tomar em casos de disfonia, além de utilizar Questionário de Qualidade de Vida em Voz (QVV) para identificar os riscos, precocemente, de disfonia presentes nos idosos participantes da UNAMI-UEMS no ano de 2017 e 2018.
Palavras-chave
   Qualidade de Vida em Voz, QVV, Disfonia, UNAMI
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar