«« Voltar
VI Seminário de Estudos Fronteiriços
Protocolo do SIGProj:   266125.1475.23768.11092017
De:02/09/2017  à  30/11/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Aguinaldo Silva
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CPAN - Câmpus do Pantanal
Unidade de Origem
  CEX - Comissão Setorial de Extensão
Resumo da Ação de Extensão
  Na atualidade, vários países, inclusive o Brasil, têm dispensado esforços consideráveis para tentar resolver problemas de ordens diversas, como segurança, saúde, educação, questões ambientais, dentre outros, nas suas fronteiras. Em outras palavras, a fronteira está na ordem do dia. Mas seu entendimento é complexo, pois se trata de um espaço que contém duas bandas territoriais, pelo menos, com racionalidades e normas de conduta diferentes – por vezes divergentes. Por ser um evento voltado para pesquisas em Fronteiras, o evento possibilita apresentar resultados das pesquisas desenvolvidas sobre fronteiras e desta forma, proporcionar troca de experiências e ações que visem compreender a fronteira dentro de uma visão sistêmica e propor alternativas para solucionar os problemas que ocorrem na faixa de fronteira. O público-alvo imediato é constituído por discentes e docentes de pós-graduação das mais diversas áreas, dado o caráter interdisciplinar do evento. Também constituído por graduandos Pibic. As discussões programadas interessam, ainda, a professores do ensino fundamental e médio, gestores públicos e estudiosos de temas fronteiriços. A previsão é de que o evento proporcione, em Mato Grosso do Sul, o aperfeiçoamento/atualização de aproximadamente 40 professores universitários, 80 professores da rede pública e privada do ensino fundamental e médio; 300 acadêmicos e 150 profissionais de outras áreas (gestores públicos, interessados na temática fronteiriça, dentre outros).
Palavras-chave
   fronteira, Corumbá
Público-Alvo
  O público-alvo imediato é constituído por discentes e docentes de pós-graduação das mais diversas áreas, dado o caráter interdisciplinar do evento. As discussões programadas interessam, ainda, a professores do ensino fundamental e médio, gestores públicos e estudiosos de temas fronteiriços, além de acadêmicos de graduação. A previsão é de que o evento proporcione, em Mato Grosso do Sul, o aperfeiçoamento/atualização de aproximadamente 20 professores universitários, 20 professores da rede pública e privada do ensino fundamental e médio; 60 acadêmicos de pós-graduação, 100 acadêmicos de graduação e 50 profissionais de outras áreas (gestores públicos, interessados na temática fronteiriça, dentre outros).
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
   Os contatos podem ser realizados pelo e-mail do PPGEF. ppgef.ufms@gmail.com
«« Voltar