«« Voltar
I Encontro 'A UFT e as lutas sociais': As pautas de luta do MST no estado do Tocantins e a criminalização dos movimentos sociais
Protocolo do SIGProj:   265233.1400.42560.09042017
De:24/03/2017  à  24/03/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Vanda Micheli Burginski
Instituição
  UFT - Universidade Federal do Tocantins
Unidade Geral
  CUM - Campus de Miracema
Unidade de Origem
  SERV - SERVIÇO SOCIAL
Resumo da Ação de Extensão
  A proposta do I Encontro 'A UFT e as lutas sociais' tem por objetivo aproximar a UFT campus de Miracema do Tocantins às pautas de lutas defendidas pelo Movimento dos Trabalhadores sem Terra (MST) no estado do Tocantins. Dentre as pautas de luta desse movimento destaca-se a reivindicação pela reforma agrária, a permanência da aposentadoria rural e os direitos sociais no campo, dada a história de abandono do campo e de sua população (campesinato) por parte do Estado brasileiro. Além disso, trata-se de levantar demandas colocadas ao profissional de serviço social no sentido de trabalhar na perspectiva de assessoria aos movimentos sociais e incentivar estudos, pesquisas e reflexões sobre o processo de trabalho do assistente social no meio rural, a partir da inserção dos estudantes do curso de Serviço Social no projeto de extensão voltado para a assessoria aos movimentos sociais.
Palavras-chave
   Assessoria aos Movimentos sociais, Serviço Social, Movimento dos trabalhadores sem terra (MST)
Público-Alvo
  Comunidade acadêmica em geral: docentes, estudantes e técnicos-administrativos.
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
   A divulgação se deu via facebook, redes sociais e WhatsApp.
«« Voltar