«« Voltar
Uso seguro de plantas medicinais: educação em saúde aplicada aos alunos da UNAMI/UEMS.
Protocolo do SIGProj:   264184.1435.270896.01042017
De:01/08/2017  à  01/08/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Daniela Pollo
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  Unidade de Dourados - Unidade Universitária de Dourados (pólo)
Unidade de Origem
  Enfermagem - Coordenação do Curso de Enfermagem
Resumo da Ação de Extensão
  O uso de plantas medicinais é bastante evidenciado ainda em nossa cultura e cotidiano, devido às tradições e sabedoria popular. Verifica-se que o emprego da fitoterapia avançou nos últimos anos, a partir da perspectiva da promoção da saúde, das práticas integrativas e complementares de saúde e da valorização do ambiente. No entanto, o uso concomitante de plantas medicinais com medicamentos e seus insumos farmacêuticos ativos podem acarretar prejuízos à saúde, levando a interações medicamentosas, quadros de intoxicação ou de perda da eficácia do medicamento. A população idosa traz consigo as memórias familiares do uso de plantas medicinais, logo é importante, desenvolver e implementar ações educativas sobre o seu uso seguro. O objetivo deste projeto de extensão é planejar, implementar e avaliar ações educativas sobre o uso seguro de plantas medicinais aplicadas aos alunos que frequenta a Universidade Aberta da Melhor Idade, da Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul, Unidade de Dourados. Dentre as ações educativas, estão: aulas expositivas e dialogas sobre as plantas medicinais, preparo de chás e outras formas farmacêuticas a partir de plantas medicinais, narrativas/memórias sobre o uso de plantas medicinais, seminários realizados pelos alunos sobre o tema, e exposição do conhecimento construído através de uma feira de ciência e sabedoria popular para a comunidade interna e externa à UEMS.
Palavras-chave
   Educação em Saúde, Saúde do Idoso, Fitoterapia
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar