«« Voltar
FATORES QUE AFETAM A PREDIÇÃO GENÔMICA EM FAMÍLIAS DE MEIOS-IRMÃOS
Protocolo do SIGProj:   263851.1430.165524.16032017
De:20/04/2017  à  20/12/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Paulo Eduardo Teodoro
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CPCS - Câmpus de Chapadão do Sul
Unidade de Origem
  CPQ - Comissão Setorial de Pesquisa
Resumo da Ação de Extensão
  A seleção genômica ampla (GWS) é uma ferramenta que incorpora as informações de mar-cadores moleculares a modelos estatísticos com objetivo de estimar o valor genético de cada indi-víduo de forma mais acurada. É uma metodologia aplicável em diversas áreas do melhoramento genético, sobretudo no melhoramento de espécies florestais, cujos ciclos de melhoramento são longos. Esse trabalho terá como objetivo identificar os principais fatores que afetam a predição genômica em famílias simuladas de meios-irmãos, visando aplicações futuras no melhoramento de espécies florestais. Os objetivos específicos são: comparar os principais modelos de GWAS na predição dos valores genéticos genômicos; verificar como a arquitetura genética da característica influência na predição genômica; identificar qual a densidade adequada de marcadores codominantes para a predição ge-nômica; avaliar como o tamanho da população afeta a predição do ganho genético. O projeto será realizado com o uso de simulação computacional e as análises estatísticas serão realizadas em computadores de alta performance do Laboratório de Biometria da Universidade Federal de Viçosa.
Palavras-chave
   Seleção genômica ampla, melhoramento de espécies florestais, simulação computacional
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade CONCLUÍDA
Contato
  
«« Voltar