«« Voltar
Implementação do prontuário eletrônico e banco de imagens clínicas e radiográficas dos pacientes atendidos na clínica de estomatologia: uma proposta para aperfeiçoar o atendimento dos pacientes pelos alunos da Faculdade de Odontologia da Universidade Federal Fluminense
Protocolo do SIGProj:   263393.1395.224239.13032017
De:10/05/2017  à  10/01/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Rafaela Elvira Rozza de Menezes
Instituição
  UFF - Universidade Federal Fluminense
Unidade Geral
  PUNF - Polo Universitário de Nova Friburgo
Unidade de Origem
  MGD - Faculdade de Odontologia de Nova Friburgo
Resumo da Ação de Extensão
  Novas tecnologias de informação e comunicação (NTICS) no ensino da Odontologia são uma das iniciativas do Governo Federal. Nas universidades, as NTICS são ferramentas valiosas para o ensino, pesquisa e extensão. Em nosso curso de Odontologia, os alunos têm seu primeiro contato com os pacientes portadores de queixas na disciplina de estomatologia e, às vezes, não realizam o atendimento inicial, responsável por desenvolver habilidades investigativas. Uma revisão sistemática sobre o uso das NTICS na odontologia concluiu que as áreas que mais as utilizam são a cirurgia oral, estomatologia e patologia oral, sendo aplicado principalmente no ensino e na finalidade diagnóstica. Assim, informações retrospectivas são essenciais no aprendizado. Nossa equipe em colaboração com o serviço de Informática desta universidade desenvolveu um prontuário eletrônico em um projeto de extensão (2015). Assim, o nosso objetivo geral é implementar com o prontuário eletrônico os serviços de estomatologia da Faculdade de Odontologia da UFF. Para isto, o bolsista de extensão participará do atendimento estomatológico dos pacientes e transferirá as informações do prontuário único (papel) e imagens fotográficas para a NTIC, além de ordenar a documentação fotográfica no computador da equipe docente. Discussões de casos clínicos usando o prontuário eletrônico como ferramenta também serão implantadas na disciplina de estomatologia (FFE00041) e no estágio não-obrigatório do nosso ambulatório de estomatologia. A prática extensionista é feita através do contato do discente com os pacientes estomatológicos e, ademais, este projeto busca a indissociabilidade com o ensino e pesquisa, uma vez que os dados da população é metodizada à tecnologia.
Palavras-chave
   sistemas computadorizados de registros médicos, tecnologia de baixo custo, educação em odontologia, estomatologia, materiais de ensino
Público-Alvo
  O público alvo do presente projeto serão os indivíduos listados abaixo: 1. Pacientes provenientes das atividades clínicas da disciplina de estomatologia da Faculdade de Odontologia, PUNF, da UFF. Aproximadamente sete atividades clínicas são realizadas em cada semestre letivo. 2. Pacientes provenientes do ambulatório de estomatologia, desenvolvido pela equipe docente desta área e que também faz parte das atividades do Programa de Pós-Graduação em Odontologia do PUNF da UFF. Este serviço ocorre uma vez na semana e de forma ininterrupta, ou seja, o atendimento clínico não é interrompido nos períodos de recesso escolar, greve e feriados regionais. O atendimento não é realizado apenas em feriados nacionais e internacionais. 3. Alunos de Graduação em Odontologia matriculados nas disciplinas de estomatologia (FFE00041) e alunos matriculados no curso de odontologia, ISNF-UFF, e inscritos no estágio não obrigatório do ambulatório de estomatologia da presente equipe docente. Os mesmos participarão do projeto através de atividades teórico-práticas envolvendo o uso do software (prontuário de acesso online). O uso do software no ensino da estomatologia é também um Trabalho de Conclusão de Curso de Graduação, onde o aluno de graduação do presente TCC trabalhará junto com o relator deste projeto de extensão.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar