«« Voltar
Cotidiano e relações sociais das elites de Corumbá no final do século XIX
Protocolo do SIGProj:   262319.1430.4392.01072017
De:01/10/2017  à  01/10/2021
 
Coordenador-Extensionista
  Divino Marcos de Sena
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CPAN - Câmpus do Pantanal
Unidade de Origem
  CPQ - Comissão Setorial de Pesquisa
Resumo da Ação de Extensão
  O objetivo deste projeto é pesquisar o cotidiano e as relações sociais das elites de Corumbá no final do século XIX. Este município, situado na fronteira com a Bolívia, passou pelo processo de (re)organização do seu espaço urbano a partir de 1870, quando terminou a Guerra do Paraguai contra a Tríplice Aliança (1864-1870) que eliminou os entraves da navegação de embarcações brasileiras e estrangeiras nos rios que integram a Bacia Platina. Corumbá ocupou, gradativamente, posição de destaque no cenário político, econômico e social em Mato Grosso. Nessa conjuntura, estiveram indivíduos que formaram as elites daquela localidade e que atuaram em diversos setores da economia regional, com considerável destaque social e atuação direta ou indiretamente em instituições públicas que foram (re)instaladas. Para alcançar os objetivos desta proposta, realizar-se-à a leitura e análise do material bibliográfico existente sobre a região, bem como a coleta e análise de dados em documentos que integram os acervos da Câmara Municipal, do Fórum e de outras instituições situadas em Corumbá. Além disso, serão consultados fontes presentes no Arquivo Público de Mato Grosso, Memorial do Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, Arquivo e Biblioteca Nacional, Centro de Documentação Regional da UFGD e Arquivo do Estado de São Paulo. Assim, busca-se através deste projeto contribuir não apenas com as reflexões sobre a história das elites e do Brasil imperial, como também cooperar para o fortalecimento da pesquisa coletiva na UFMS, na medida em que este projeto oportunize o surgimento de outras iniciativas de investigação e discussão.
Palavras-chave
   Século XIX, Mato Grosso, Cotidiano, Relações sociais, Elites
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar