«« Voltar
O uso do PBL como forma de educação em saúde na prevenção ao uso de drogas
Protocolo do SIGProj:   261719.1435.258596.28032017
De:01/08/2017  à  01/08/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Diego Silva Bessa
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  PROEC - Pró- Reitoria de Extensão, Cultura e Assuntos Comunitários
Unidade de Origem
  DEX - Divisão de Extensão
Resumo da Ação de Extensão
  A adolescência é considerada uma importante etapa do desenvolvimento humano, por tratar-se de uma fase de transição entre a infância e o estado adulto, marcada por mudanças físicas, psicológicas e sociais. Nesse momento, os indivíduos tornam-se mais suscetíveis à experimentação de novos comportamentos, dentre eles o primeiro contato com as drogas. Ademais, esse contato faz-se de forma cada vez mais precoce, devido à sugestão gerada por parte do círculo de amizades e por vezes da própria família.(Jardim, 2012; Viero et al, 2015; Moreno, Ventura e Brêtas, 2009) Diante disso, a educação em saúde torna-se uma ferramenta valiosa na prevenção e promoção à saúde. No entanto, para que a informação atinja seu objetivo é necessário que ela seja transmitida de modo correto e completo, explicando os efeitos negativos do uso das drogas, porém esclarecendo que existe uma satisfação momentânea. (Jardim, 2012; Zeitoune et al, 2012) Com essa teoria, a escola torna-se um importante espaço para a produção de atividades de educação em saúde. No entanto, a educação em saúde realizada nesse local deve possuir base tanto em referências modernas, quanto nas que compreendem o fenômeno saúde. Nesse contexto, o método PBL (Problem Based Learning – Aprendizagem Baseada em Problemas), consiste em uma interessante ferramenta de aprendizado, por tratar-se de uma prática pedagógica em que há o predomínio de conteúdos conceituais e interdisciplinaridade. Esse método fomenta um comportamento mais ativo do estudante e incentiva o pensamento crítico na busca do conhecimento. (Viero et al, 2015; Sakai e Lima, 1996; Berbel, 1998)
Palavras-chave
   Drogas, educação, saude
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar