«« Voltar
Florística e distribuição espacial de epífitos vasculares no Parque Natural Municipal de Sertão, RS
Protocolo do SIGProj:   260277.1359.115326.23022017
De:02/05/2017  à  28/02/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Juliana Marcia Rogalski
Instituição
  IFRS - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul
Unidade Geral
  Sertão - Câmpus Sertão - Pesquisa
Unidade de Origem
  P&I - Pesquisa e Inovação
Resumo da Ação de Extensão
  Os epífitos constituem cerca de 10% de todas as espécies vasculares, distribuídos em poucas famílias, como Orchidaceae, Bromeliaceae, Araceae, Piperaceae e Polypodiaceae. Este projeto objetiva realizar levantamento florístico de epífitos vasculares e conhecer sua distribuição espacial no Parque Natural Municipal de Sertão, o qual apresenta cerca de 500 hectares de Floresta Ombrófila Mista, em diferentes estádios sucessionais, devido à extração de madeireira. O levantamento florístico dos epífitos vasculares será efetuado quinzenalmente, visando à coleta de espécimes em floração ou frutificação, ou com esporos, no caso de Pteridófitas. Para a avaliação da distribuição espacial, o método empregado para escolha dos forófitos será o de ponto quadrantes, onde serão amostrados 60 forófitos, com diâmetro à altura do peito mínimo de 10 cm. Para o estudo da distribuição vertical, os forófitos serão divididos em intervalos de dois metros. As espécies epifíticas serão observadas empregando-se binóculo (7x35), sendo um espécime coletado para posterior identificação e deposição em herbário. Além disso, será feito o acompanhamento fenológico das espécies onde será registrada floração e frutificação para as Angiospermas e formação de esporos para as Pteridófitas.
Palavras-chave
   epífitos vasculares, distribuição espacial, fenologia, florística.
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar