«« Voltar
As mazelas do sistema penitenciário tocantinense
Protocolo do SIGProj:   257711.1400.124073.06022017
De:06/02/2017  à  06/02/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Maria do Carmo Cota
Instituição
  UFT - Universidade Federal do Tocantins
Unidade Geral
  CUP - Campus de Palmas
Unidade de Origem
  DIR - DIREITO
Resumo da Ação de Extensão
  Discutir a atual situação dos presídios tocantinenses, reconhecendo as suas falhas e analisando as propostas de reformas penitenciárias formuladas pela administração pública. Buscando, no entanto, se pautar numa concepção de que a falência do sistema carcerário não é uma derrota, mas o objetivo da própria prisão, a partir da perspectiva apresentada por Michel Foucault em seu livro 'Vigiar e punir'. E, então, não focalizar apenas nas propostas de reformas, mas também em propostas alternativas a prisão.
Palavras-chave
   Prisão, crise, reforma penitenciária
Público-Alvo
  Discentes do curso de Direito da UFT e membros da comunidade em geral.
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
   Facebook do Centro Acadêmico de Direito da UFT.
«« Voltar