«« Voltar
Quando Napoleão entra na brincadeira: o uso de jogos nas aulas de história do ensino médio
Protocolo do SIGProj:   257644.1359.214240.01022017
De:02/05/2017  à  28/02/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Letícia Schneider Ferreira
Instituição
  IFRS - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul
Unidade Geral
  Bento Gonçalves - Câmpus Bento Gonçalves - Pesquisa
Unidade de Origem
  P&I - Pesquisa e Inovação
Resumo da Ação de Extensão
  O presente estudo tem por finalidade observar a percepção dos alunos do 2º ano do ensino médio do Campus Bento Gonçalves sobre a utilização de jogos para o ensino do conteúdo de História. O projeto visa avaliar a pertinência do uso de ferramentas como os jogos de tabuleiro para o ensino dos conteúdos históricos. Assim, após a apresentação de um determinado conteúdo serão selecionadas duas turmas que contenham um número equivalente de estudantes. A revisão do conteúdo ministrado em uma das turmas será realizada por meio de jogos adaptados que contemplem os temas abordados em aula, enquanto na outra turma será fornecido um questionário de revisão. Por fim, ambas as turmas receberão um rol de exercícios os quais serão corrigidos e observar-se-á qual das turmas apresentará um melhor desempenho, permitindo a análise da contribuição ou não do uso de jogos em sala de aula. Será ainda solicitado que os estudantes que se valeram do uso dos jogos para a revisão de conteúdo respondam um questionário de avaliação da proposta educativa, expondo os benefícios e as dificuldades encontradas. Deste modo, é possível averiguar a efetividade do uso de outras metodologias de ensino, utilizando diferentes recursos didáticos e ampliando o leque de possibilidades dos docentes da área de história.
Palavras-chave
   Ensino de História, Jogos, Ensino Médio
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar