«« Voltar
Educação, Alteridade e Cuidado de Si: Cosmovisão dos Povos Indígenas da Região Pantaneira Sul-Mato- Grossense sobre os Processos Próprios de Prevenção das Doenças Sexualmente Transmissíveis e da Aids
Protocolo do SIGProj:   252477.1136.6796.20112016
De:01/03/2017  à  28/02/2022
 
Coordenador-Extensionista
  Léia Teixeira Lacerda
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  Campo Grande - Unidade Universitária de Campo Grande
Unidade de Origem
  Pedagogia - Coordenação do Curso de Pedagogia
Resumo da Ação de Extensão
  Os Referenciais Curriculares Nacionais para a Educação Escolar Indígena (1998) possibilitam aos gestores das escolas que funcionam em áreas indígenas organizarem os eixos fundamentais do currículo, incentivando o desenvolvimento de projetos educacionais de auto-gestão e comunitários. Entretanto, com esse incentivo o governo brasileiro, por meio do Ministério da Educação deixa de assumir as suas atribuições básicas, ou seja, deixa de investir em uma política para a educação escolar indígena que atenda às reais necessidades das etnias brasileiras. Isso significa que além de estruturar os projetos pedagógicos diferenciados e interculturais há a necessidade de também desenvolver uma política de educação continuada que considere os conhecimentos indígenas e não indígenas, isto é, um currículo estruturado do universal para o singular, com a implementação de um projeto pedagógico sistemático e não com programas isolados conforme constatamos ao longo das investigações que temos desenvolvido com as etnias da região pantaneira sul-mato-grossense. Dessa perspectiva, o presente projeto de pesquisa visa analisar as ações do Programa de Educação Preventiva das Doenças Sexualmente Transmissíveis e da Aids, desenvolvidas com os Acadêmicos Indígenas - oriundos dos povos Guató, Kadiwéu, Kinikinau e Terena - residentes no Pantanal Sul-Mato-Grossense. Essas ações foram articuladas com os conteúdos estudados nas disciplinas de Psicologia da Educação; História da Educação;Educação e Gênero; Movimentos Étnicos, Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Geografia Humana do Curso de Pedagogia oferecido pela Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul e o Curso de Licenciatura Indígena, oferecido pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul/Campus de Aquidauana.
Palavras-chave
   Educação, Indígena, Pantanal, Prevenção, DST
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar