«« Voltar
Os novos bandeirantes de São Paulo nos anos 1930: Fernando de Azevedo e o projeto do jornal O Estado de S. Paulo
Protocolo do SIGProj:   251900.1136.4074.08112016
De:04/04/2016  à  04/04/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Diogo da Silva Roiz
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  PROPP - Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação
Unidade de Origem
  DP - Divisão de Pesquisa
Resumo da Ação de Extensão
  Em função da crise estrutural que se desenrolou entre 1929 e 1932, na qual São Paulo perderia sua hegemonia política e econômica perante a Nação, e em seu lugar se daria uma verdadeira remodelação das camadas dirigentes do país, onde se destacaria o papel de Getúlio Vargas (1930-1945), que se formaria um conjunto de estratégias políticas e culturais, entre políticos e letrados de São Paulo, com vistas a contornarem a situação a que se encontrava tanto o Estado quanto o país (Cf. MICELI, 1989; GOMES, 1996, 2009; MATE, 2002). É neste contexto preciso que se desenvolveu o projeto político e cultural do grupo dirigente d’O Estado de S. Paulo, onde se destacaria as ações de Fernando de Azevedo, Júlio de Mesquita Filho e Armando de Salles Oliveira (Cf. CARDOSO, 1982; ROIZ, 2009). Tendo em vista essas questões propomos estudar neste projeto de pesquisa como Fernando de Azevedo e o grupo dirigente d’O Estado de S. Paulo (onde se destacaria a ação de Júlio de Mesquita Filho e Armando de Salles Oliveira) propuseram um conjunto de medidas para alcançar o desenvolvimento (econômico, cultural e social) e a recuperação da autonomia (política e econômica) do Estado de São Paulo. Para que isso fosse possível eles esboçaram um projeto político e educacional articulado com o movimento da “escola nova”, no qual a formação de educadores, a abertura de escolas e salas de aula, bem como a criação de universidades, esteve em sua base no período de 1929 a 1950.
Palavras-chave
   Fernando de Azevedo, escola nova, jornal, Estado de S. Paulo
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO PARCIAL
Contato
  
«« Voltar