«« Voltar
Saúde Bucal para Pacientes Oncológicos
Protocolo do SIGProj:   250713.1312.12355.24102016
De:17/11/2016  à  17/11/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Fernanda Ferreira Lopes
Instituição
  UFMA - Universidade Federal do Maranhão
Unidade Geral
  PROEXCE - Pro-Reitoria de Extensão, Cultura e Empreendedorismo
Unidade de Origem
  DE - Departamento de Extensão
Resumo da Ação de Extensão
  O presente projeto de extensão consiste em programa para a difusão e socialização do conhecimento apreendido pela equipe de execução, visando à integração universidade-comunidade. O Programa em Saúde Bucal para Pacientes Oncológicos teve início no ano de 2003, após a sua aprovação no Conselho de Pesquisa, Ensino e Extensão em 20 de novembro de 2002, através da Resolução n°. 259-CONSEPE. A Odontologia vem evoluindo bastante nos últimos anos para atender diferentes demandas de pacientes. As pessoas que estão em tratamento quimioterápico e radioterápico, por exemplo, precisam de cuidados especiais, uma vez que os tratamentos provocam alterações na boca e na mucosa. O Programa em Saúde Bucal para Pacientes Oncológicos procura possibilitar aos discentes envolvidos conhecer uma problemática nacional e atuar na busca de soluções plausíveis. O objetivo geral é fornecer informações sobre higiene bucal, no intuito de minimizar as complicações bucais associadas à terapia do câncer, contribuindo para a melhoria na qualidade de vida dos pacientes oncológicos, proporcionando aos pacientes oncológicos conhecimentos sobre as complicações bucais associadas à terapia do câncer e orientando os pacientes e/ou responsáveis sobre os cuidados de higiene bucal, bem como medidas preventivas de algumas complicações bucais transterápicas.
Palavras-chave
   câncer, saúde bucal, complicações bucais, terapia anticâncer
Público-Alvo
  O público alvo do Projeto de Extensão em Saúde Bucal para Pacientes Oncológicos são as pessoas que estão em tratamento quimioterápico e radioterápico no Instituto Maranhense de Oncologia Aldenora Bello. Essas pessoas precisam de cuidados especiais, uma vez que os tratamentos antineoplásicos podem provocar diversas alterações na boca, comprometendo a qualidade de vida e, as vezes, até inviabilizando a continuidade do tratamento.
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar