«« Voltar
Caminhos do Butia Catarinensis (Cópia) 25-09-2016
Protocolo do SIGProj:   248758.1308.191796.25092016
De:27/10/2016  à  27/10/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Elisa Serena Gandolfo Martins
Instituição
  IFSC - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina
Unidade Geral
  IFSC-GAR - Campus Garopaba
Unidade de Origem
  DEPE - Departamento de Ensino, Pesquisa e Extensão
Resumo da Ação de Extensão
  O projeto 'Caminhos do Butia catarinensis' tem como objetivo estruturar uma rede de pessoas que trabalham direta ou indiretamente com o Butia catarinensis, desenvolvendo atividades de integração e geração de renda sob o viés da economia solidária, contribuindo com a valorização e conservação da espécie. As atividades desenvolvidas incluem o mapeamento de pessoas que trabalham direta ou indiretamente com o butiá, mapeamento das populações naturais da espécie, organização e realização da I Feira do Butiá de Imbituba, produção de material audiovisual para valorização da espécie e do saber fazer das comunidades envolvidas e elaboração de roteiros turísticos com base no turismo de experência, turismo de base comunitária e Economia Solidária. O projeto teve origem através de atividades desenvolidas no Cursos FIC de Educação Patrimonial e no Projeto de EXtensão '“Turismo e Economia Solidária: Trilhando Caminhos para o Trabalho Coletivo”, e vem de encontro a outras iniciativas, envolvendo Movimento Slow Food e o projeto 'Rota dos Butiazais' da Embrapa Clima Temperado. A natureza da proposta é interdisciplinar, com a participação de professores das áreas de meio ambiente, história, geografia, administração, turismo e guiamento de turismo. O público alvo são as pessoas da cadeia produtiva do butiá, as quais realizam trabalhos como extração dos frutos, beneficiamento da polpa, produção de alimentos e artesanato. A valorização da identidade local através dos resultados deste projeto pode contribuir para a elaboração de políticas públicas para a conservação da espécie e fomento às atividades oriundas de seu uso através de técnicas de manejo sustentável.
Palavras-chave
   Patrimônio Natural, Butia catarinensis, Economia Solidária, Turismo de Experiência, Turismo de Base Comunitária
Público-Alvo
  Trabalhadores envolvidos na cadeia produtiva do butiá (extratores, produtores, beneficiadores de frutos, trançadeiras de palha, artesãos). Condutores ambientais e guias de turismo.
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
   Elisa Serena Gandolfo Martins elisa.serena@ifsc.edu.br 48-32547300
«« Voltar