«« Voltar
Promoção do Autocuidado a população adulta de rua em Florianópolis
Protocolo do SIGProj:   248528.1308.37941.25092016
De:27/10/2016  à  27/10/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Vanessa Luiza Tuono
Instituição
  IFSC - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Santa Catarina
Unidade Geral
  IFSC-CFL - Campus Florianópolis
Unidade de Origem
  DASS - Departamento Acadêmico de Saúde e Serviços
Resumo da Ação de Extensão
  A precariedade da população de rua é tratada no âmbito da saúde e das intervenções sociais visando preencher as lacunas das políticas públicas de saúde para essa população. A precariedade e insalubridade das ruas, culminando em exposição e riscos cumulativos requerem intervenções e formas de tratamento orientadas, segundo a sua especificidade, e possibilidades no desenvolvimento de ações. Quando o autocuidado é efetivamente realizado, ajuda a manter a integridade estrutural e o funcionamento humano, contribuindo para o seu desenvolvimento. Esta capacidade de cuidar de si mesmo é afetada por fatores condicionantes básicos, entre eles, a adequação e disponibilidade de recursos. Desenvolver periodicamente temáticas relacionadas ao autocuidado e subsídios para estas ações é a proposta deste projeto que envolve o ensino e a pesquisa em saúde. A parceria com o Centro POP, local físico referência a esta população, permitiu o diagnóstico de necessidades e o espaço de atuação.
Palavras-chave
   moradores de rua, vulnerabilidade, autocuidado, educação em saúde, promoção da saúde
Público-Alvo
  Moradores de rua que frequentam ou estão cadastrados no Centro POP.
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar