«« Voltar
Adolescentes em conflito com a lei: um olhar sociojurídico para o processo de ressocialização promovido no CASE de Palmas
Protocolo do SIGProj:   245537.1138.126888.05122016
De:16/09/2016  à  12/12/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Cristiane Roque de Almeida
Instituição
  UFT - Universidade Federal do Tocantins
Unidade Geral
  CUP - Campus de Palmas
Unidade de Origem
  DIR - DIREITO
Resumo da Ação de Extensão
   A sociedade brasileira tem buscado ensinar valores de cidadania às suas crianças e adolescentes, com intuito de encaminhá-los na senda dos bons costumes e práticas do bem, de modo que estes venham a contribuir para um futuro melhor de suas próprias vidas e consequentemente de nossa nação. Não obstante sejam empregados esforços no sentido de se obter sucesso nesse objetivo, muitos adolescentes, por inúmeras razões tem se desviado do comportamento socialmente aceito como saudável e produtivo, trazendo prejuízos para si e para todos ao seu redor. O projeto em tela tem por proposta levar aos adolescentes recolhidos no CASE e no CEIP de Palmas-TO ações que os levem a se sentir integrados com os valores elevados da sociedade; assim lhes será dado oportunidade de se familiarizarem com o mundo da informática, ter momento de lazer com atividades circenses, participarem de oficina de arte em grafite e pintura, criação de horta comunitária, além de participarem de uma roda de debate com a participação de todos os internos e seus familiares. Busca-se, deste modo levar ações que os façam sentir inclusos na sociedade, que os tragam ânimo para tentar progredir e se inserir, além de dar-lhes algumas ferramentas que os capacitem a mudar sua atual situação social.
Palavras-chave
   Socioeducação, valores, inclusão social, CASE
Público-Alvo
  Serão público alvo do referido projeto os adolescentes que cumprem medida socioeducativa de internação no CASE - Centro de Atendimento Socioeducativo de Palmas-TO, e de um modo secundários seus familiares.
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar