«« Voltar
Identificação e determinação do teor de rotenona por técnicas espectrométricas em extratos de Timbó (Ateleia glazioviana Baill) presentes no IFRS - Campus Ibirubá em diferentes estações do ano
Protocolo do SIGProj:   242698.1294.236393.12082016
De:01/09/2016  à  31/07/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Sandra Meinen da Cruz
Instituição
  IFRS - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul
Unidade Geral
  Ibirubá - Câmpus Ibirubá - Pesquisa
Unidade de Origem
  P&I - Pesquisa e Inovação
Resumo da Ação de Extensão
  Anteriormente, ao advento dos inseticidas sintéticos após a segunda guerra mundial, os inseticidas botânicos eram muito utilizados. A população indígena da América do Sul, principalmente no Rio Grande do Sul, utilizava o timbó em suas pescarias. Pelo princípio ativo extraído dessas árvores (a rotenona), era muito utilizado para o controle de insetos e pragas representa um importante aspecto em pequenas áreas de cultivos agroecológicos, onde a produção de extratos torna-se viável. Dentre os efeitos sobre os insetos, a repelência, inibição de oviposição e da alimentação, alterações no sistema hormonal, causando distúrbios no desenvolvimento, deformações, infertilidade e mortalidade. Atualmente, devido as possibilidades de se tornarem sucessores eficientes dos produtos sintéticos, os timbós voltaram a despertar interesse. Nesse sentido, no presente trabalho metodologias analíticas como a extração e quantificação da presença de rotenona, em plantas de timbós presentes no IFRS-Campus Ibirubá são avaliadas.
Palavras-chave
   Timbó, Rotenona, Inseticida, Preparo de amostras
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar