«« Voltar
Atenção a pessoas com problemas psicossociais em situação de vulnerabilidade social
Protocolo do SIGProj:   239513.1185.88894.11072016
De:12/01/2015  à  30/07/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Ivo de Andrade Lima Filho
Instituição
  UFPE - Universidade Federal de Pernambuco
Unidade Geral
  CCS - CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE
Unidade de Origem
  Terapia Ocupacional - Terapia Ocupacional (Depto)
Resumo da Ação de Extensão
  As pessoas com transtornos mentais configuram-se numa situação especial de vulnerabilidade devido a limitações na competência em responder plenamente pelas consequências de suas escolhas vitais, o que coloca essa população entre as mais excluídas socialmente. As intervenções assistenciais e de reabilitação psicossocial desenvolvidas pelos serviços de saúde mental em parceria com instituições de ensino pode contribuir para a criação, fortalecimento e manutenção das redes sociais, determinantes para modificar a trajetória do usuário no enfrentamento das condições de vulnerabilidades, além de contribuir no processo de formação de profissionais de saúde para o SUS. Nesse sentido, um projeto de pesquisa-ação com objetivo de descrever ações de promoção de saúde, prevenção e assistência a pessoas com problemas psicossociais será conduzido por docentes e estudantes do curso de Terapia Ocupacional da UFPE. Uma pesquisa, inicialmente exploratória e descritiva acerca da situação de vida da população, riscos e agravos aos quais estão expostos, servirá de base para ações educativas e de promoção à saúde, discussão de casos clínicos, na perspectiva do projeto terapêutico singular; encaminhamento e acompanhamento em oficinas de geração de renda. O projeto será desenvolvido no âmbito das USF Sítio Wanderley e Campo de Banco e na Unidade do Lar Fabiano de Cristo, localizadas na Várzea, no Distrito Sanitário IV do Recife, no estado de Pernambuco. Na unidade do Lar Fabiano de Cristo serão utilizadas as oficinas de geração de renda como o espaço para inserir o público com problemas psicossocias identificado nas USFs, construindo uma parceria intersetorial de atenção e cuidado.
Palavras-chave
   saúde mental, vulnerabilidade em saúde, atenção primária a saúde
Público-Alvo
  o público alvo do projeto serão pessoas adultas com problemas psicossociais, que comporão amostras intencionais a partir de estudos exploratórios já conduzidos anteriormente e/ou casos novos da área, principalmente da USF Campo de Banco. Além dos usuários da USF Sítio Wanderley os 16 agentes comunitários de saúde vinculados a unidade comporão o projeto como público alvo para as ações de educação permanente e de cuidando do cuidador.
Situação
  Atividade CONCLUÍDA
Contato
  
«« Voltar