«« Voltar
TRANSPORTE AÉREO INTERNACIONAL- CASE DE DUAS INDÚSTRIAS LOCALIZADAS NA SERRA GAÚCHA
Protocolo do SIGProj:   231885.1152.75597.07042016
De:27/04/2016  à  21/12/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Tatiane Pellin Cislaghi
Instituição
  IFRS - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul
Unidade Geral
  Bento Gonçalves - Câmpus Bento Gonçalves - Pesquisa
Unidade de Origem
  P&I - Pesquisa e Inovação
Resumo da Ação de Extensão
  Tendo em vista a instabilidade do mercado interno atual, muitas empresas buscam alternativas para driblar a crise e aumentar sua competitividade com a expansão dos negócios para outros países. O transporte aéreo é um dos modais utilizados pelas empresas no comércio internacional. Dentre as principais vantagens da utilização este modal está o menor lead time em comparação aos demais, segurança e flexibilidade de carga. Por outro lado, apresenta custo elevado e limitação quanto a dimensões de cargas. É um transporte que opera com a unitização de cargas, reduzindo parcialmente os custos e melhorando a utilização das aeronaves. O frete aéreo em geral é cobrado em função do peso e volume. Além disso, serão abordados neste estudo aspectos relevantes quanto a legislação, bem como os documentos necessários para o transporte das mercadorias. A pesquisa abordará um estudo de caso em duas indústrias da região serrana do Rio Grande do Sul, sendo que, ambas as empresas utilizam o transporte aéreo somente em casos esporádicos, emergenciais e/ou materiais promocionais para feiras e eventos. Para garantir a agilidade oferecida pela modalidade aérea, é necessário o máximo cuidado no preenchimento de documentos e utilização de embalagens adequadas, em conformidade com a legislação vigente.
Palavras-chave
   Lead Time, Modal Aéreo Internacional, Custos
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar